A vida fica muito mais leve quando temos amigos…

6min. de leitura

Quando penso nos meus amigos, meu coração dispara de tanto afeto. Não dá para imaginar a pessoa que nos tornamos, sem a contribuição desses seres que, provavelmente, foram escolhidos a dedo para cruzar os nossos caminhos e nos ajudar na jornada.



Não tem música que quanto toca me deixa tão tocada quanto “Nada será como antes” do Clube da Esquina. Pensar em Clube da Esquina já me deixa um tanto sentimental: aqueles garotos que se encontraram em Belo Horizonte, em meados de 1960, e que dividiram a paixão pela música e pelo cinema e que tão bem queriam uns aos outros é uma história linda de se pensar.

Quando penso nos meus amigos, meu coração dispara de tanto afeto. Não dá para imaginar a pessoa que nos tornamos, sem a contribuição desses seres que provavelmente foram escolhidos a dedo para cruzar os nossos caminhos e nos ajudar na jornada.

São os amigos da infância que tinham o mundo a desbravar, mesmo que o mundo em questão era o quintal da casa da nossa tia. Os amigos de colégio e as trocas de bilhetinhos na aula de física. Os colegas da faculdade com quem tanto matamos aula para ir para o bar, e que como nós, tinham tantos projetos pela frente.


É muita saudade de todos, porque também sentimos saudades de nós, do que fomos, mas não com pesar, com um total sentimento de carinho.

Às vezes, perdemos o contato e as redes sociais estão aí para que possamos matar um pouco da saudade desses que foram tão importantes. Então, é só alegria em ver que estão bem e felizes, viajando, com os filhos crescendo ou na boemia despretensiosa de sempre.

Há um fragmento deles permanentemente ligados em nós. Amizade quando pensada é mesmo uma coisa singular.

Tenho um amigo que nunca foi muito próximo, mas volta e meia ele aparece em uns momentos chaves da minha vida para me mostrar um caminho quando as coisas não vão bem. Isso sempre por pura coincidência. Ele não sabe, mas é o coelho branco da minha vida. Aparece sem querer em uns momentos cruciais e me mostra aquilo que eu preciso enxergar. Alguns amigos têm essa função de psicopompo.


Tenho um amigo que nos desentendemos a ponto de cortar o contato. Um dia vou tomar coragem, bater na casa dele e tacar-lhe um abraço. Se depois disso nada mudar, não importa, é algo que eu preciso fazer.

Tenho uma amiga que sempre foi muito prática na vida e não tem muita paciência para aquilo que ela considera “imposições dramáticas”. Se quiser falar sobre o último romance fracassado sem ouvir umas verdades do tipo “mas você foi uma anta”, não fale com ela. Mas ela está sempre pronta para encher o colchão inflável e me cobrir, quando eu preciso de um canto para ficar.

Eu ainda não sei de onde vem essa mágica que é a chamada “conviver”, porque sempre somos postos ao encontro de quem irá nos desafiar. Desafiar-nos e rever os nossos conceitos, a despertar o amor, a amadurecer. É o que nos leva ao entendimento e a empatia e a verdadeira evolução.

Evoluir, às vezes, é lidar com os pontos de uma diferença incômoda, mas se é incômoda, é porque é algo que precisamos trabalhar. Amigos são mestres em nos mostrar isso.

A vida fica muito mais leve quando sabemos que temos amigos e muito mais motivadora em saber que podemos fazê-los a qualquer momento.

Nunca se sabe quando se vai encontrar aquela pessoa que entrará no hall de importância significativa na sua vida.  Mesmo que seja de passagem para abrir passagem para algo novo.

É claro que com o passar do tempo aprendemos a classificar os amigos por grau de adequação. Não serão todos os amigos a quem você poderá confidenciar seus segredos, como também não serão todos que você poderá curtir uma balada. Um não exclui a necessidade do outro.

E é por tanta gratidão aos meus amigos que digo que meu coração sempre estará aberto para vocês. E mesmo nada sendo como antes, “em um domingo qualquer, qualquer hora”, poderemos revisitar nossas memórias e nos cobrirmos de afetos.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: golubovystock / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

* Matéria atualizada em 26/04/2018 às 6:33






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.