Estou em um momento da minha vida em que não tento mais que impressionar ninguém… apenas sou eu mesma

Minha vida não é entretenimento para olhos alheios, é a minha própria jornada. Por isso, eu não preciso me esforçar para impressionar ninguém.

Cheguei em uma fase em que cansei de mudar a mim mesma para tentar impressionar muita gente, então preciso colocar meu bem-estar em primeiro lugar e me fazer feliz, independentemente do que pensarão de mim.

Algumas pessoas parecem ficar por perto apenas para poderem observar nossos erros em primeira mão e nos criticar, apontando os nossos erros. Elas se sentem no direito de dar palpites sobre nossas atitudes e falar mal de nós para outros, como se apontar erros alheios fizesse com que os delas mesmas desaparecessem.

Estou cansada daqueles que só se aproximam para me ferir, fazer com que eu me sinta insuficiente e incapaz. Sei que sou uma boa pessoa, que faz o seu melhor todos os dias, não posso me contagiar com essas energias negativas.

Portanto, mantenho meu foco em meu próprio crescimento e em como posso tornar minha caminhada mais significativa, juntando-me às pessoas que despertam o melhor de mim.

Por muito tempo, eu me magoei com tudo o que falavam de mim e pela maneira como me tratavam; sentia-me injustiçada e solitária, mas agora eu amadureci e aprendi que as coisas têm a importância que atribuímos a elas, e tudo começa a mudar quando percebemos que o que importa na vida é deitarmos para dormir todos os dias com a consciência tranquila de somos fiéis a nós mesmos.

A minha missão não é agradar ninguém, nem viver de acordo com as expectativas de outras pessoas. Minha vida não é entretenimento para olhos alheios, é a minha própria jornada; por isso, eu não preciso me esforçar para impressionar ninguém. Serei sempre eu mesma, com minhas qualidades e defeitos, alegrias e tristezas, conquistas e perdas. Buscarei melhorar não para ser reconhecida, mas para ser feliz.

Hoje, eu não negarei a mim mesma para agradar ninguém, não vou me comparar a outras pessoas. Enxergarei as coisas boas que já tenho em mim e dedicar-me-ei para que elas possam ser cada dia mais presentes na minha vida. Vou me fazer feliz, sem me importar em como minha felicidade parece aos olhos de outras pessoas, porque no final das contas, minhas única companhia eterna sou eu mesma.

Agora, eu sou fiel a mim mesma e não me arrependo disso. Aqueles que me amam ficarão ao meu lado sempre, e quem não estiver mais à vontade encontrará as portas abertas para ir embora.


Direitos autorais da imagem de capa: Pixabay.




Deixe seu comentário