Por que se amar em primeiro lugar está chocando tanta gente?

Ao final desta leitura você vai entender e, acima de tudo, se questionar, por que colocamos sempre outras pessoas à frente de nós mesmos.

Você mesmo faz isso e sabe.

Entenda: pessoas podem amá-lo, mas nunca poderão cuidá-lo cuidar de dentro para fora. Entende onde eu quero chegar?

Existem coisas que só você pode fazer por você mesmo.

Para amar alguém, primeiro precisamos aprender como, e a primeira pessoa com quem praticamos somos nós mesmos. Você não é egoísta por isso!

A psicologia explica que desde a primeira fase em que o bebê começa a perceber que é um ser, e que o mundo é mundo, ele já se ama.

Acontece que os seres humanos querem passar por cima do que já nasce com ele, através da “moral e dos bons costumes”. O famoso “doar-se”, “entregar-se”.

Óbvio, mas primeiro você poderia me dar licença para eu me doar a mim mesmo? Assim terei condições de fazer melhor contigo. É simples.

E é aí em que vão acusá-lo de egoísmo. Vai interferir em sua saúde? Não. Então continua assim, vai chocar mesmo!

Você merece se amar sim! Você tem que se cuidar sim! Amor-próprio não é egoísmo, é saúde. 

Seja você o primeiro amor da sua vida.

Pare de tentar primeiro amar os outros, pois nem eles se amam! Pare de gastar suas forças com quem não quer ser compreendido. Desacelere, dê uma pausa!

Novamente: você é a única pessoa que pode se cuidar, e também se curar, de dentro para fora. Pratique primeiramente com você.

Dê ouvidos à sua intuição. É ela quem toma conta de você.


Direitos autorais da imagem de capa: wallhere / 1248731




Deixe seu comentário