7 lições de vida que aprendemos com nossos irmãos

7min. de leitura

Podemos discutir, negá-los, ignorá-los, perturbá-los e uma série de tarefas inimagináveis. No entanto, um irmão é um dos maiores tesouros que temos nesta vida. Os irmãos são aqueles “inimigos” com quem mais lutaremos, e , sem dúvida, mais amaremos.



Excepcionalmente, uma relação entre irmãos pode dar errado, mas o certo é manter-se um sentimento de amor incondicional forjado na luta de crianças que sempre quiseram fazer valer seus jogos, opiniões ou sua presença.

Não há melhor presente dos pais à seus filhos do que a possibilidade de crescer com um irmão, compartilhando amor, brinquedos, felicidade, raiva e tristeza. Então, hoje trazemos sete lições maravilhosas que aprendemos vivendo com nossos irmãos:

1. Cuidar do outro

“À medida que crescia, meus irmãos agiam como se não se preocupassem, mas eu sempre soube que se importavam e estavam lá.” – Catherine Pulsifer


Você aprende a não se preocupar apenas com você, mas a cuidar e garantir o bem-estar do outro. Os irmãos acabam desenvolvendo um instinto de proteção especial, não comparável a qualquer coisa que você se sinta em qualquer momento de sua vida.

Talvez para o mundo exterior cresçamos e mudamos ao longo dos anos. No entanto, entre irmãos, sabemos que nosso interior e coração permanecem inalterados, apesar do tempo.


2. Ser paciente

Apesar de tudo e com tudo, o que você pode fazer e esperar por um irmão? O fato de que nem tudo é como você quer e quando você quer é uma realidade que se aprende duramente.


Podemos exagerar, dramatizar, gerar um caos nunca visto, mas algo é claro, se você precisar de um gesto apaziguador pode sempre recorrer a seu irmão ou irmã.

Os irmãos não precisam dizer nada, podem estar sentados um ao lado do outro sem se sentirem desconfortáveis, e podem se acalmarem sem uma palavra, porque a simples presença do irmão te ensina que tudo pode se resolver.


3. Superar a si mesmo

Quem tem irmãos sabe melhor que ninguém que as coisas devem ser conquistadas, e que sempre existe algo maior. De alguma forma, certamente você competiu por algo com seus irmãos. Provavelmente, esta foi uma fonte de frustração contínua, mas te ajudou a tirar o melhor de si mesmo.

Além disso, o fato de compartilhar sua vida com um irmão ajuda-o a aprender com seus erros e os dos outros. Os erros de seu irmão são, de alguma forma, também seus. Tal como seus sucessos, dos quais, ao longo do tempo, vai se lembrar como um dos melhores sabores que desfrutou ao longo da vida.


4. Dividir

Você aprende a compartilhar o material e imaterial: o seu quarto, seus brinquedos, suas roupas, seus pais, seu destino e assim vai. Neste mundo não há nada exclusivamente para você. Além disso, em seu relacionamento fraterno você encontra muitas circunstâncias que te fazem repensar suas prioridades.

De alguma forma, quando você tem irmãos sabe que não há nada 100% seu, embora afirme que seja com toda sua força. Este será o tema de intermináveis ​​disputas, mas no fundo não importa, porque ter alguém para compartilhar alegrias e tristezas é algo impagável.

Além disso, os irmãos vivem além do efeito do tempo, porque, apesar de o passar dos anos, as famílias continuam a compartilhar piadas, risos, tristeza, lágrimas e alegrias, invariavelmente, pois a união fraterna permanece a mesma para sempre.


5. Trabalhar em equipe e negociar

“Quando dois irmãos trabalham juntos, montanhas se transformam em ouro.” – Provérbio chinês

Aprender que nós não somos o centro do mundo é custoso. Na verdade, a chave para o nosso sucesso está precisamente nisso, em aprender a cooperar e entender que não há força mais poderosa do que entendimento e união por um objetivo comum.

Vale a pena deixar tudo de lado, pois a relação com seu irmão lhe ensina que as diferenças são sempre aproveitáveis se você atentar sua mente e estiver disposto a cooperar. Desde a infância, colaborar e negociar com nossos irmãos nos ensina que a união faz a força.


6. Perdoar

Há gestos e gestos, e eu acho que a cumplicidade dos olhos de perdão com seus irmãos não pode ser comparada a qualquer coisa. Quantas vezes já ouvimos “Faça as pazes ou …”? Esta ameaça não te convencia de que seu irmão merecia o seu perdão, mas o perdoava para obedecer.

A partir daí existiam minutos, horas ou dias completos de hostilidades, mas de alguma forma você se atentou de que perdão e esquecimento beneficia ambos. Em suma, os irmãos te ensinam que não há distância inusperável entre duas pessoas que se amam, sejam crianças ou adultos.


7. Amar incondicionalmente

“Não há amor como o amor a um irmão. Não há amor como o amor de um irmão.” – Terri Guillemet

A relação entre irmãos te ensina a amar acima de todas as coisas, te ensina a amar alguém que não lhe diz o que você quer ouvir, que te nega, te deixa com raiva, tira suas coisas, quer o que você quer, etc.

Dois irmãos podem distanciar-se em diferentes momentos de suas vidas, mas serão sempre aqueles amigos leais que não escolhemos.

Você daria sua vida por seu irmão e seu irmão morreria por você. Não importa o que aconteça, a cumplicidade permanece diante das dificuldades. Na verdade, em tempos difíceis, um irmão pode se tornar a coisa mais próxima de um super-herói.

Em suma, um irmão faz você se sentir único e especial. Para eles, você será sempre insubstituível, assim como eles são para você. E a isso, ninguém pode colocar um preço porque seu valor é incalculável.

 

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: La Mente es Maravillosa

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.