Médico costura à mão mantas para cobrir os bebês que ajuda a trazer ao mundo

As mantinhas de Erick são presentes muito especiais, porque mostram o amor pelo trabalho e o desejo de acolher bem os bebês e também os pais.

Algumas pessoas encaram suas profissões como muito mais do que apenas uma forma de se sustentarem, mas como uma missão de vida, fazendo o seu melhor para transformar o mundo, através de suas capacidades, e, assim, dão grandes exemplos para todos nós!

Uma dessas pessoas é o Dr. Erik Bostrom, médico familiar de 33 anos, que trabalha na área rural do estado norte-americano Minnesota. Entre as muitas coisas que realiza todos os dias, no Centro de Cuidado da Saúde de Riverwood, estão os partos. Apesar de a obstetrícia não ser sua especialidade, ele encontrou uma maneira de tornar esses momentos ainda mais especiais!

Apesar de não saber nada sobre costura, nem ter mentores em sua família, ele comprou uma máquina usada e aprendeu sozinho a costurar, para que pudesse confeccionar mantas personalizadas para todos os bebês que ajudava a trazer ao mundo.

“Muito do meu tempo é gasto cuidando de pessoas velhas e doentes”, disse Erik. Mas quando um bebê nasce, “ao invés de tristeza e sofrimento, as pessoas estão cheias de alegria e excitação. É uma parte muito legal da Medicina.”

A ideia das mantinhas partiu de uma colega de trabalho, que disse que esse presente traria uma segurança a mais para os pais dos bebês, e Erik viu nessa sugestão uma boa maneira de mostrar dedicação e amor ao trabalho.

No final das contas, ele disse que nem era tão difícil quanto pensava e se apaixonou pelo trabalho, tanto que agora aprendeu também a bordar, e reserva um quarto de sua casa apenas para os presentes, que levam a data de nascimento, peso, altura e nome de cada bebê.

O médico trabalha em Riverwood há dois anos, começou logo depois de se formar na Faculdade de Medicina da Universidade de Minnesota.

As mantinhas de Erick são presentes muito especiais, porque mostram o amor pelo trabalho e o desejo de acolher bem os bebês e também os pais.

Cada manta leva cerca de três horas para ficar pronta, e cerca de dois bebês todos os meses ganham uma, e ele garante que adoram os presentes.

As mães se sentem muito agradecidas com as mantinhas personalizadas. “É um lindo cobertor. É algo que ela vai valorizar por toda a vida. Ele usa o tempo livre para fazer isso por seus pacientes. Isso é demais”, declarou uma das mães, que também disse ter certeza de que escolheu o médico certo para trazer sua filha ao mundo.

Legal, não é? Uma grande iniciativa que merece ser replicada em nosso país também!

Compartilhe esse exemplo em suas redes sociais, e marque seus amigos médicos nos comentários abaixo!


Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação desse material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.


Direitos autorais das imagens utilizadas no texto: reprodução/Fox 9.




Deixe seu comentário