O perdão é divino e atrai abundância!

3min. de leitura

Existe em você um Eu Divino que supre sua alma com luz e a energia mais pura e poderosa que você possa imaginar.



Quando você não perdoa, está conspurcando e qualificando esta energia em baixa vibração.

Este Eu Divino deseja intensamente se libertar dos grilhões da mágoa e do ressentimento.

Não procure motivos racionais para isso, apenas sinta.


Sua alma sabe que é verdade. Enquanto você não perdoar, manterá seu foco e sua energia em mágoa e ressentimentos.

Mais importante ainda é o autoperdão que gera culpas. As culpas geram medo da penitência e esse processo de pensamento mina todas as suas energias.

Por isso para muitas pessoas é tão difícil  materializar seus desejosapesar do pensamento positivo, do esforço e do desejo ardente, as culpas e mágoas ainda estão remoendo por dentro, ocupando “espaço” em seu subconsciente, poluindo e “boicotando” a concretização de seus sonhos.


Para o subconsciente, quem tem culpa não MERECE. É um ser imperfeito e está aqui para “pagar pelos seus erros”.

PERDAO

Sua essência sabe que você é um ser perfeito e herdeiro de todas as bênçãos que desejar, mas precisa estar alinhado no bem, no amor, na auto estima e autoconfiança. Esses quesitos, você consegue quando abrir o vácuo com o perdão.

No subconsciente também, dois corpos não ocupam o mesmo espaço, onde há medo, culpa, mágoa, não há lugar para o amor, o bem e o belo. “Não podemos servir a dois senhores ao mesmo tempo”

É IMPOSSSÍVEL sentir amor e alegria enquanto você investe mágoas, culpa, rejeição e ressentimentos em sua mente.

Crie o vácuo que é o princípio de uma nova vida cheia de alegrias, perdoando.

Permita que a luz pura preencha seu ser, potencializando os desejos do seu coração.

O Segredo do Subconsciente

Como ReprogrAmar-se Para o Sucesso! Simone El Hage

 

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.