Holanda é o primeiro país sem cães abandonados – e não precisou sacrificar nenhum

Os cães são animais muito especiais para nós, humanos, desde sempre. Eles são nossos amigos, companheiros, e muitas vezes até nossas famílias, porque ficam ao nosso lado mesmo quando todos nos abandonam.

Para os cães, nós sempre somos o suficiente, não importam nossas falhas e erros, e quando temos um dia ruim, tudo melhora quando chegamos em casa e nossos amigos de quatro patas estão nos esperando com muito amor, carinho para nos dar sem esperar nada em troca.

Esses animais são puros e amorosos, e não merecem nada além de muita gratidão, cuidado e amor de todos nós. No entanto, é grande o número de cães que vivem abandonados nas ruas, sem ter o que comer e nem uma caminha para dormir. Estima-se que sejam aproximadamente 600 milhões de cachorros vivendo nas ruas em todo o mundo.

Por mais que façamos a nossa parte para ajudar o máximo de cãezinhos que podemos, a situação ainda é grave, porque a maioria das cidades não possuem políticas públicas voltadas para essa questão.

No entanto, um país mudou a realidade de vida de seus cães de rua sem causar nenhum malefício a eles, com uma atitude que pode servir de exemplo para nós. A Holanda, país europeu, é o primeiro país do mundo sem nenhum cão vivendo nas ruas.


Essa conquista se deu graças a um plano do governo baseado sustentado por esses pilares:

  • Leis duríssimas para quem abandona os cães, além de multas que podem chegar a milhões de euros
  • Campanhas de castração e conscientização
  • Além de altas taxas de imposto para quem compra cachorros de raça
Esse programa é muito bem pensado e realmente está fazendo a diferença nas vidas dos animais que vivem nas ruas. Esperançosamente, ele será adotado por mais nações, para preservar e cuidar dos nossos melhores amigos!

Se você aprovou a ideia do governo holandês, comente abaixo e compartilhe com seus amigos!



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: ktsdesign / 123RF Imagens




Deixe seu comentário