Os poderes curativos dos gatos

Muito se fala sobre o poder de cura dos animais de forma geral. Pesquisas científicas comprovam que os animais podem nos ajudar a nos curar e acalmar. De fato, foi comprovado que o ato de acariciar um gato ou cachorro pode diminuir a pressão arterial.

Existem histórias que afirmam que cavalos podem ajudar com condições emocionais e que cães podem sentir doenças em pessoas precocemente. Além disso, a presença de animais em casas de repouso e hospícios, por exemplo, pode trazer alegria e paz para os pacientes.

O papel dos gatos enquanto curadores

Foi provado através de pesquisas que a frequência do ronronar dos gatos pode ajudar na cicatrização de ossos, tendões, ligamentos e músculos, ajudando também no alívio de dores.

Eles também podem ajudar na cura de outros gatos ou cachorros através de seu ronronar, ficando perto de uma pessoa que está ansiosa esperando por notícias de alguém que ama, e até mesmo de equipes veterinárias que passaram por um difícil processo de eutanásia.

Os gatos são animais muito ligados à espiritualidade e, de certa maneira, parecem entender como utilizar sua energia e poder para promover o bem. Eles são sensíveis às energias e têm a capacidade de transformar negatividade em paz e tranquilidade.


Gatos podem reduzir o risco de ataque cardíaco em 40%

Um estudo realizado pela Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, revelou que as pessoas que nunca tiveram um gato têm 40% mais chances de sofrer de um ataque cardíaco.

“Se assumirmos que os benefícios são reais, então a explicação mais lógica pode ser a de que ter um gato alivia o estresse e a ansiedade, consequentemente reduzindo o risco de doenças cardiovasculares”, diz Qureshi em artigo publicado no site da Universidade de Minnesota.

Apesar das evidências científicas comprovando o bem desses animais para nossa saúde, existe um certo mistério sobre como eles exercem essa influência tão poderosa sobre nós.


Abaixo estão algumas ideias importantes sobre o poder de cura dos gatos:

  • Donos de gatos possuem menores sintomas de estresse
  • Quanto mais tempo você tiver animais de estimação, menor a probabilidade de desenvolver linfoma
  • Animais de estimação são bons para sua saúde mental

Como os animais podem nos conectar à fonte

Os animais estão muito mais conectados ao mundo espiritual e à fonte do que nós, porque são mais puros. Apenas observar um gato dormindo ou um cachorro se divertindo com uma coisa simples já nos faz analisar nossas vidas por outras perspectivas e descobrir que a magia está no que muitas vezes não damos valor.

O exemplo de tranquilidade e confiança dos animais podem nos influenciar de forma positiva, ajudando-nos a entrar em sintonia com nosso núcleo espiritual.

Além disso, quando temos animais de estimação, somos forçados a encontrar tempo em meio às nossas vidas cheias de compromissos. Precisamos passear e brincar com eles, dando carinho e atenção. Essas atividades despertam um significado mais profundo em nossas vidas, nos fazendo perceber que estamos conectados e que temos tudo o que precisamos nas coisas mais simples da vida.

Você tem um gato? Como é sua relação com ele? Sinta-se à vontade para postar uma foto dele nos comentários!


Direitos autorais da imagem de capa: Antonio Lapa / Unsplash




Deixe seu comentário