22min. de leitura

Você sabe como interpretar corretamente seu mapa astral?

Apesar das transformações tecnológicas, também aumentou o interesse do ser humano por assuntos e estudos que levam ao desenvolvimento da conexão com a própria essência. As pessoas querem se sentir mais felizes, querem entender quem são e compreender sua missão de vida, tanto por meio da psicologia quanto das religiões ou interpretando seu mapa astral.



Ao contrário do que muita gente pensa, a astrologia é uma poderosa ferramenta de autoconhecimento. As suas interpretações dão ao indivíduo informações transformadoras, que lhes permitem entender traços de sua personalidade, tendências e outros aspectos de vida.

Se você também se interessa por esse assunto e quer saber como interpretar corretamente o seu mapa astral, não pode deixar de ler este texto. Nele, você vai saber o que é esse mapa cheio de informações importantes e como ele influencia toda a sua vida. Confira!

O que é mapa astral

Mapa significa caminho, trajetória, trajeto. Com base nisso, podemos considerá-lo um guia que indicará o tipo de caminho que determinada pessoa percorrerá ao longo da vida.


Basicamente, o mapa astral é uma representação gráfica da posição dos astros e signos em relação à Terra no momento exato em que uma pessoa nasceu. Segundo a astrologia, a nossa personalidade é influenciada fortemente pela posição desses astros.

Por meio do mapa astral, é possível ter acesso às informações básicas sobre a personalidade de uma pessoa, como características físicas, habilidades, tendências de destino, predisposições — profissionais e afetivas —, dentre outras.

Como as suas configurações se repetem a cada ciclo de 26 mil anos, pode-se dizer que ele é quase uma impressão digital. Raramente você encontrará alguém com o mapa idêntico ao seu. As exceções são apenas em casos de pessoas que nasceram na mesma cidade e mesmo horário.


Para que serve

Agora, que você sabe o que é o mapa astral, deve estar se perguntando para que ele serve. Qual a finalidade de fazer um?

O seu objetivo é levar as pessoas a descobrirem os traços de sua personalidade, conhecendo seus dons, dificuldades, tendências e talentos. Com essas informações, será mais fácil extrair o melhor de si e aumentar as possibilidades de sucesso em diversos setores da vida.

Quando você se conhece — e a astrologia, por meio do mapa astral, possibilita isso —, você sabe o que melhorar e o caminho que deve seguir para alcançar seus objetivos.

Um fato interessante é que o mapa astral pode ser feito em qualquer tempo. Pessoas de todas as idades, inclusive crianças, podem fazer, desde que seja exposto a elas ou aos pais com o objetivo de estimulá-las desde cedo. Os adolescentes também podem utilizar essa ferramenta, principalmente como orientação da carreira a seguir.

Astrologia e autoconhecimento

Você sabe como interpretar

Um dos grandes benefícios da astrologia é que ela ajuda no processo de autoconhecimento. Inclusive, é uma das formas de autoconhecimento mais antigas, já que desde a Antiguidade os povos a utilizavam.

Os dados fornecidos pelo mapa astral ajudam não só a identificar traços da personalidade, mas também auxiliam na tomada de decisões em questões pessoais ou profissionais.

Na verdade, a astrologia apenas facilita esse processo, uma vez que a pessoa encontrará as respostas dentro dela mesma. Nesse caso, o estudo dos astros atua apenas como uma ponte que levará o indivíduo até o seu interior.

Por meio do mapa, ele descobre não apenas o seu signo solar, mas também o seu signo lunar, o ascendente, as casas astrológicas e os planetas que regem o seu nascimento.

Com essas informações, a astrologia fornece um verdadeiro acervo, dando oportunidade para o autoconhecimento e a chance de focar as potencialidades de cada um.

Fazendo o mapa astral você vai conhecer:

  • quem verdadeiramente é  — sua essência—, por meio do seu signo solar;
  • como se comporta em relação aos seus sentimentos e emoções, de acordo com o seu signo lunar;
  • a forma como você se apresenta ao mundo exterior, segundo o seu ascendente;
  • demais dados que são fornecidos pela influência das casas astrológicas e planetas, que agem nos mais diversos setores da vida.

Com tantos aspectos analisados, pode-se dizer que a astrologia oferece ferramentas para iniciar o processo de autoconhecimento. E, no decorrer do processo, todas essas informações estarão orientando e apontando tendências favoráveis para percorrer o caminho de se autoconhecer.

Como funciona o mapa astral

Como mencionado, o mapa astral mostra a posição dos astros no céu no momento exato do nascimento de uma pessoa. E que astros são esses? O que eles significam? Qual é a importância deles?

Para entender como funciona o mapa astral e como ele age como ferramenta de autoconhecimento, é importante saber quais são os seus elementos.

O gráfico que representa o mapa de uma pessoa tem formato circular e é dividido em casas astrológicas. Cada uma delas representa um aspecto da vida, com seus significados.

como funciona o mapa astral

Além disso, o mapa tem os 12 signos zodiacais e os 10 planetas — incluindo o Sol e a Lua. Esses planetas são distribuídos junto com os signos e as casas.

Vale destacar que os planetas astrológicos se posicionam de acordo com a constelação do zodíaco e que eles têm bastante energia, atuando conforme a posição dos astros no momento do nascimento.

Basicamente, o mapa astral possibilita que o astrólogo junte todos esses elementos, que parecem verdadeiras peças de quebra-cabeças, e interprete o significado de cada um, de acordo com a sua posição e a interação com os outros.

Por isso, é tão importante que essa leitura seja feita por alguém com conhecimento no assunto. Só assim a pessoa terá uma leitura completa de todas as casas e planetas.

Se houver aspectos contraditórios — e isso pode acontecer —, o astrólogo profissional saberá neutralizar os aspectos que são opostos, de modo que eles não apareçam na personalidade da pessoa.

Interpretando o mapa astral

Para interpretar o mapa astral de alguém — ou o próprio —, deve-se ter conhecimento de algumas informações, como data e hora exatas do nascimento e local em que a pessoa nasceu.

Com esses dados, é possível ter acesso ao mapa dessa pessoa e, assim, ajudá-la, seja no entendimento de características e tendências, seja facilitando a resolução de problemas e a tomada de decisão.

Para interpretar o mapa astral, é preciso saber o que é cada elemento. Por isso, mostraremos a seguir o significado de cada um deles na astrologia e como influenciam na personalidade do indivíduo.


solSol

O signo solar é o mais conhecido. Na verdade, muitas pessoas acreditam que basta saber o signo para determinar todas as características e aspectos da personalidade. No entanto, o signo solar representa apenas um ponto em um oceano de significados.

Os 12 signos solares são: Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes.

Na astrologia, o Sol representa a essência da pessoa, como o ego dela se expressa. Além disso, ele indica a forma como essa pessoa se relaciona com seu pai. O Sol indica também onde você pode se destacar, a maneira como a sua individualidade se expressa.

Dentre outras coisas, representa:

  • a expressão criativa;
  • a afetividade;
  • a necessidade de reconhecimento;
  • a vitalidade;
  • a forma como a pessoa se percebe.

LuaLua

O signo lunar é determinado a partir da posição em que a Lua se encontrava no momento do nascimento. Assim como o Sol e o ascendente, a Lua também recebe forte influência dos planetas.

Ela indica os aspectos emocionais mais profundos, inclusive a capacidade de reflexão e a receptividade. Também está ligada à imaginação, ao quanto uma pessoa é levada a sonhar, a desejar.

No mapa astrológico, a casa em que a Lua estiver mostra o lado prático da vida e onde essa personalidade atua com maior intensidade. Já o signo que está sob influência da Lua revela como ela lida com os sonhos e desejos.

Dentre outras coisas, a Lua revela:

  • ânimos;
  • forma de lidar com as emoções e sentimentos;
  • necessidade de segurança doméstica;
  • os pontos sensíveis;
  • os aspectos do subconsciente;
  • a receptividade;
  • a autoimagem;
  • como reage diante das situações.

Curiosamente, o signo lunar está associado ao tipo de mãe e ambiente em que o indivíduo passou a infância. Isso acontece porque é na infância, geralmente, que se forma a autoimagem.

Além disso, a Lua representa o ego — considerado a psique inferior —, sendo parte muito importante da personalidade do indivíduo.


Ascendente

É o signo que, no exato momento do seu nascimento, se eleva no horizonte. É de grande importância, já que revela a forma como você demonstra sua personalidade. Além disso, mostra como canaliza a energia que o seu signo solar tem.

No mapa astrológico, ele sempre vai corresponder à casa 1, que é aquela que está relacionada à personalidade e ao modo como se comunica e apresenta ao mundo exterior.

Digamos que o ascendente seja o seu cartão pessoal. Por isso, também se refere à forma como nos cuidamos, física e emocionalmente. Tudo o que afeta a forma como as outras pessoas nos veem está ligado ao ascendente.


Casas e posicionamentos

Para entender o que são as casas astrológicas no mapa astral, basta imaginar que ele foi dividido em 12 fatias. Cada fatia representa uma casa, que está relacionada a um setor da vida.

Na hora de interpretar o mapa astrológico de alguém, o astrólogo analisa os planetas que estavam em cada casa no momento do nascimento. Desse modo, ele pode falar sobre a personalidade e apontar os desafios que essa pessoa encontrará ao longo da vida.

Planetas

planetas

Além das casas e signos — solar, lunar e ascendente —, os planetas fazem parte do mapa astral e afetam a personalidade e as tendências de uma pessoa. Na verdade, eles são muito importantes, pois estão presentes em cada casa astrológica, determinando comportamentos e aspectos.

A seguir, veja o que cada um representa na astrologia, com exceção do Sol e da Lua, que são considerados planetas nesse campo de estudo, mas que já foram citados:

Mercúrio

Capacidade de raciocínio, comunicação e forma de se expressar. É o planeta da inteligência.


Vênus

Sensibilidade, afeto, trocas afetivas. É o planeta das relações amorosas, determinando por quem se apaixona.


Marte

Capacidade de enfrentar desafios, energia, iniciativa, determinação, autoafirmação. É o planeta dos desejos e ambições.


Júpiter

Sabedoria, razãoconfiança, fé e otimismo. É considerado o planeta que rege as questões de sorte.


Saturno

Indica o setor prático da vida. Está ligado à disciplina, esforço, deveres e responsabilidades.


Urano

Independência, verdade, necessidade de mudança, ir contra os padrões estabelecidos. É o planeta que mostra o aspecto criativo e excêntrico de uma pessoa.


Netuno

Crença, unificação, sintonia com as dimensões espirituais e compaixão. É o planeta da intuição e da ligação com dimensões superiores.


Plutão

Invisível, capacidade de transformação, regeneração. É o planeta que rege os aspectos misteriosos, os “infernos” da personalidade humana.

Significado das casas astrológicas

A seguir, veja o significado de cada casa no mapa e qual setor da vida elas regem.


aries1.ª casa: Áries

A primeira casa determina o ascendente. Sendo assim, relaciona-se com o ego, a personalidade e a maneira como o indivíduo se expressa para o mundo. Representa também o corpo físico, os gastos, e simboliza a primeira fase da vida, que é a infância. 

Expressa o temperamento e o comportamento. Além disso, mostra como você se vê e o que quer ser diante do mundo. Os planetas presentes nessa casa simbolizam como você lida com as emoções e de que forma elas influenciam a sua personalidade. 


touro2.ª casa: Touro

Essa casa refere-se à forma como o dinheiro é ganho e administrado. É a casa dos bens materiais. Ao analisar a vida financeira de uma pessoa do ponto de vista astrológico, o astrólogo consulta, principalmente, a segunda casa. 

É a casa do ter e do fazer, aquela que simboliza a liberdade pessoal e as dívidas materiais. Os planetas presentes vão demonstrar de que forma você busca segurança material e quais os seus anseios financeiros.


gemeos3.ª casa: Gêmeos

Comunicação com as outras pessoas e vínculos familiares são os aspectos mais presentes nessa casa. Além disso, revela a possibilidade de fazer viagens curtas e de obter conhecimentos diferentes, e não aqueles passados na escola. 

Essa casa mostra o que você precisa aprender para viver bem. Relaciona-se com o modo como você troca informações com as outras pessoas e como aprende as lições com as pessoas próximas. 

Está muito ligada, também, ao relacionamento com vizinhos, colegas e irmãos. Por fim, a casa de Gêmeos revela os aspectos mentais da sua vida, principalmente sob a influência dos planetas que estão nela.


cancer4.ª casa: Câncer

Representa o lar, suas raízes, pai e mãe. Também está ligada à velhice e ao final da vida.

Os aspectos relacionados a essa casa simbolizam o sentir e o sonhar. É por meio deles que o astrólogo analisa a relação com a família e tudo o que está relacionado às raízes emocionais. Os planetas presentes nessa casa mostram os seus condicionamentos emocionais na vida em família. 


leao5.ª casa: Leão

Romances, filhos, diversão e prazer estão presentes na casa de Leão. Ela está relacionada à gravidez, arte, educação dos filhos e à sua maneira de se relacionar com os outros.

É por meio dela que o astrólogo analisa o que você precisa desenvolver para viver bem e com prazer. Nessa casa, também se destacam namoros, diversões e os frutos disso: filhos de sangue e aqueles que são considerados bons frutos como projetos, ideais etc.


virgem6.ª casa: Virgem

Envolve trabalho, saúde e hábitos. Está relacionada a tudo o que se refere ao trabalho. Além disso, diz respeito a animais de estimação e pessoas que lhe são dependentes. Ao analisar essa casa, o astrólogo observa os seguintes aspectos: saúde física e trabalho.

É o setor que precisa ser limpo, liberto de toxinas — pensamentos e emoções — que contaminam a mente, prejudicando a saúde emocional. Aqui também mostra o trabalho no dia a dia, a rotina e o que precisa ser mudado para ter mais qualidade de vida. 


libra7.ª casa: Libra

A sétima casa rege casamentos. Não só os afetivos, mas também os profissionais, já que ela se refere a parceiros de negócios e conjugais. Outros pontos presentes nessa casa são os acordos comerciais e o divórcio. 

Vale destacar que a 7.ª casa está em oposição ao ascendente. Isso quer dizer que ela também revela os pontos mais marcantes da personalidade. Analisa, ainda, o que você espera dos outros, o que está presente neles e que falta em você. 


escorpião8.ª casa: Escorpião

Trata-se da casa mais misteriosa do mapa. Nela está presente de forma muito forte o poder da sedução e os mistérios da vida. Além disso, a diplomacia também surge mostrando o apoio que você pode precisar. Por fim, mostra os seus inimigos declarados. 

É na casa 8 que estão as coisas que você quer que fiquem escondidas. É onde moram os segredos. Também estão aqui perdas e ganhos, heranças e tudo o que se refere ao assunto.


sagitario9.ª casa: Sagitário

A casa de Sagitário diz respeito aos sonhos e aspirações. Está ligada aos seus anseios intelectuais. Mostra a sua filosofia de vida, revela estudos de religiões e aprendizados de novas línguas e culturas.

É a casa que rege a vontade de fazer viagens com propósitos superiores, para adquirir conhecimento e sabedoria. Relaciona-se a tudo o que leva a romper fronteiras, principalmente quando isso simboliza a religião e os cursos de ordem elevada. 


capricornio10.ª casa: Capricórnio

Na casa de Capricórnio, pode-se analisar aspectos relacionados à reputação, ao status e também à capacidade lógica. Essa casa simboliza o ponto máximo do mapa astrológico, já que começa na linha do Meio do Céu. 

É aquela que está ligada à profissão e à realização profissional. Mostra o que você faz de melhor e a sua posição dentro da sociedade. Revela a sua disciplina e capacidade de realizar transações financeiras. 


aquario11.ª casa: Aquário

A décima primeira casa está associada à capacidade de fazer amigos. Também rege os relacionamentos não emocionais. É o lugar em que se analisam as situações que fogem do seu controle e também representa um ponto de libertação no mapa astrológico. 

É nessa casa que está a força para se libertar de condicionamentos e soltar o potencial que cada pessoa tem de trabalhar em prol de projetos que vão beneficiar toda a humanidade. Essa é a maior influência da casa de Aquário.


peixes12.ª casa: Peixes

Está ligada aos obstáculos que precisará enfrentar na vida, mas também mostra a busca da identidade espiritual e as fraquezas que essa busca envolve. Carma e subconsciente estão em destaque nessa casa. 

Ela é considerada vulgarmente a “lata de lixo do zodíaco”. Isso acontece porque é como um depósito em que são armazenados os aspectos mais ocultos da personalidade. 

Outras questões presentes na casa 12 são o sacrifício pelos outros e o trabalho sagrado que todos têm que fazer ao chegar nesse plano. Por fim, a casa de Peixes simboliza a saúde emocional e a doação ou o ato de dar sem olhar a quem. 

Influência dos astros ao longo da vida

Depois de conhecer os elementos que compõem o mapa astrológico e descobrir como eles ajudam na busca do autoconhecimento, é possível perceber como eles nos influenciam ao longo da vida.

Muitas pessoas acreditam que o horóscopo não é real e que acreditar em signos é perda de tempo. No entanto, a astrologia é um estudo sério que visa interpretar a posição e a influência dos astros na personalidade, relacionando-as ao destino e às tendências de uma pessoa.

Para entender como os astros afetam a vida das pessoas, é importante saber que a astrologia se fundamenta em um paradigma holístico. Isso quer dizer que ela considera que tudo no Universo está conectado entre si.

Se os planetas e os astros estão em determinada posição no nascimento de uma pessoa, por que não acreditar que isso tenha influência sobre sua vida?

Além disso, sabe-se que a astrologia é bastante antiga. As civilizações dos babilônios, romanos e chineses utilizavam a observação dos astros para obter aprendizados humanos, antes mesmo da escrita.

Desse modo, consultar os astros e fazer a análise do mapa astrológico é uma forma de se conhecer que vem desde tempos passados e ainda hoje continua ajudando várias pessoas.

E então, gostou deste texto sobre mapa astral? Aproveite a visita para assinar a nossa newsletter. Assim, você vai receber as nossas atualizações na sua caixa de entrada!


Direitos autorais das imagens licenciadas para o site O Segredo: saiyood / 123RF Imagens – sermax55 / 123RF Imagens – forplayday / 123RF Imagens

Ícones: Designed by Pickapic  Freepik

Você sabia que O Amor está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.