Aquilo que não me destrói, só me fortalece!

4min. de leitura

Esta frase, que se não me engano é de Nietszche, carrega em si uma grande verdade.



Digo isso, porque sempre me lembro dela quando testemunho experiências desagradáveis, inesperadas e infelizes capazes de nos fazer muito mal.

É difícil imaginar que pessoas que nos conhecem tão bem e sabem de nossa história de vida, nossos problemas, nossas tristezas e dificuldades pessoais possam nos magoar e nos fazer mal através das palavras, usando tudo que, têm a certeza, pode (e vai) nos deixar muito piores.

É! Isso não parece ser algo que alguém possa nos fazer, mas há quem o faça, sim.


Atitudes destrutivas não têm justificativa, por mais que tenhamos visão diferente da vida. Podemos discutir, ter opiniões divergentes, mas nada dá o direito da agressão através da palavra que machuca, que cala, difícil de ser esquecida.

Quem o faz não vê o mal que sai pela boca,

silencio-36459


vem direto do coração e não parece mesmo passar pela razão.

Isso parece ser desequilíbrio.

Já cheguei a pensar que pessoas assim precisam que tenhamos outro tipo de sentimento para com elas, que tentemos entender e esquecer tais atitudes. Contudo, relevar uma ou outra vez é certo e bom, mas se isso acontece outra vez e outra ainda, passa a ser momento de se repensar que tipo de relação se quer com alguém assim.

Não podemos deixar que nos façam mal, que nos magoem

e que palavras destrutivas mexam com nossa autoestima.

A palavra é algo mágico que consegue carregar em si, impressa em cada letra, o sentimento que está em nosso coração. E sendo assim, precisamos ter muito cuidado com o que falamos e o que desejamos ao outro.

A palavra pode ser positiva e fazer muito bem, como pode magoar de tal forma, que se torne difícil reverter o mal que causa.

Diante de situações extremas como esta, devemos nos preservar, nos resguardar de ofensas e de toda maldade.

tumblr_lvsqfcs1IO1r21x2no1_500

Ninguém tem esse direito.

Viver é tentar ser feliz, apesar de todos os problemas por que passamos.

O importante é a convivência daqueles nos amam e, acima de tudo, nos respeitam.

Quem gosta de nós gosta do que somos e porque somos assim, com qualidades e defeitos. Estes têm conosco o discurso construtivo dos que nos querem o bem e vivem conosco momentos de felicidade.

Precisamos estar próximos do que é positivo e belo, do céu azul, do ar que nos entra pelos pulmões e nos dá vida, do sol que nos dá energia e que nos revigora. Precisamos ter em mente que todo o mal que nos acontece ou que nos é feito precisa se converter em bem – bem que nos fortaleça – e que nos faça tirar algum aprendizado para sermos melhores.

do_silencio_02

Nada pode nos fazer mal, se não deixarmos, porque o que se precisa mesmo é ser feliz.

Aquilo que não me destrói só me fortalece.

Certíssimo isso!

Por Rita Ribeiro

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.