Qual o sentido da vida?

3min. de leitura

Se você está insatisfeito com a sua vida, é porque ainda não se conectou com o real sentido da sua existência. Quando falo insatisfação da vida, entenda: insatisfação com seu trabalho, com o dinheiro, com suas relações afetivas, com sua família, com o seu corpo, com a sua fé, com suas amizades (ou falta de), com o meio onde você vive, com a capacidade de sentir prazer…
Não se culpe por estar insatisfeito: vivemos num mundo onde pessoas insatisfeitas tentam ensinar os outros como devemos viver para sermos felizes. Nossos pais, professores, conselheiros, líderes, guias… No fundo, todos eles também querem a felicidade, assim como você e eu.



Em algum momento, há que se ter coragem para perguntar: o que vibra em mim? Qual o meu talento? Como receber por aquilo que tenho talento e paixão?
Mas talvez você perceba: nada vibra em mim. Ou talvez: não tenho talento. Quem sabe: não sei como ganhar dinheiro com o que faço.

O caminho é olhar para dentro. Desconstruir todos os caminhos mentirosos que, em algum momento, você acreditou que levariam à felicidade. É doloroso. Dá um medo danado. Mas não tem outro jeito. Pedra por pedra, ir apaziguando suas expectativas. Você não precisa criar um sentido para a sua existência. Traçar planos mirabolantes. Projetos incríveis. O sentido já existe. E é bem simples. Aquilo que você tem a dar para o mundo já está aí. Pronto. Não precisa estudar. Se especializar. Aperfeiçoar. Nada disso.

Tal qual um balão, vá cortando todas as cordas ilusórias que o seguram, amarrado, no chão. A espera de um milagre. O milagre da felicidade. Quando você, finalmente, cortar a última corda, o balão subirá. Naturalmente. O vento impulsionará você. Será preciso aprender a comandar o seu balão. Mas um balão é sempre um balão. Está a mercê dos ventos, das intempéries.
Não se preocupe. A aparente falta de comando não existe. Com o tempo, você perceberá que existe um outro alguém comandando os ventos. E quando estiver sintonizado com isso, estará em paz.
A lição derradeira é: o sentido da vida o conduz, não é você quem conduz o sentido da vida…


Por Alex Possato

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.