publicidade

Coloque um sabonete debaixo de seu lençol antes de dormir. A razão é genial!

A síndrome das pernas inquietas e cãibras ocorrem muito à noite, quando você está tentando dormir. Elas podem ser extremamente dolorosas e frustrantes. Isto é especialmente verdadeiro se alguém quer apenas descansar.



A síndrome das pernas inquietas é uma desordem neurológica que produz sensações desagradáveis nas pernas, enquanto uma pessoa está em repouso. A causa principal dessa síndrome é desconhecida, mas existem algumas situações que têm sido associadas com a questão. Estes incluem insuficiência renal, diabetes, consumo de álcool, uso de medicamentos, e gravidez.

Cãibras também são um problema comum. No entanto, tentar mover a perna não reduz o desconforto nesse caso. Em vez disso, irá aumentar a dor de forma significativa. Cãibras nas pernas normalmente ocorrem por causa do excesso de exercício, deficiências minerais e vitaminas, e desidratação.

coloque um sabonete

Há algumas coisas que você pode fazer para parar ambas as situações. Algumas delas incluem massagens, um banho ou ducha quente, beber bastante água e comer direito. No entanto, há uma coisa simples que você pode fazer hoje à noite para parar as sensações desconfortáveis e dolorosas.


Coloque um sabonete sob seu lençol!

Está certo. Muitas pessoas que sofrem de cãibras nas pernas ou síndrome das pernas inquietas usam esse truque para parar o problema. Por que isso funciona? Médicos não tem certeza, mas alguns acreditam que o magnésio no sabão para o problema. Isso é porque a deficiência de magnésio é uma das principais causas de ambas as situações.


Dr. Oz sugere sabonete de lavanda, porque ajuda a relaxar os músculos com seu aroma natural. Eu concordo.

___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: David Wolfe

Baixe o aplicativo do site O Amor e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.