Autoestima: não existe essa coisa de fulano é mais bonito, cada um tem sua particularidade e sua beleza autêntica



Uma vez me perguntaram o que significava beleza para mim. Eu demorei a entender o significado, pois na época, beleza era apenas algo exterior, algo ditado pela sociedade, um certo padrão.

Hoje venho compartilhar com você o que aprendi nesses trinta e um anos sobre o verdadeiro significado de beleza.

Beleza é algo incerto, é perfeição e defeitos, é sorrir e ao mesmo tempo estar emburrada, é gritar de alegria e chorar por uma ferida interna de madrugada no travesseiro, é dar bom dia, é andar na calçada, é andar de mãos dadas na praia, é olhar pra chuva e ver o arco-íris, é estar na cama jogada de pijama assistindo ao NetFlix, é um monte de sentimentos inquietos que gritam dentro da gente que faz a cabeça ficar inquieta, é trabalhar duro ou simplesmente ter um surto e desistir de tudo para recomeçar.

Beleza é você, sou eu, somos nós. Beleza é tudo que compõem o nosso ser internamente e externamente. É a soma de tudo o que você se tornou, vivenciou e tudo que ainda vai viver. Beleza é contexto, é toda história que habita em você, é você.

Nunca deixe que a menosprezem, que digam que você não é bonita, ninguém tem o direito de diminuí-la, ninguém é melhor do que você.

Não existe essa coisa de fulano é mais bonito, cada um tem sua particularidade e sua beleza autêntica.

O problema é que paramos de olhar no espelho e nos acharmos bonitas a partir do momento que damos autoridade aos outros de ditarem as regras da nossa forma de pensar, invadirem a nossa essência. Não permita que outras pessoas influenciem o seu modo de ser, agir e falar, não é justo com você mesma que alguém chegue ao ponto de fazer você perder a autonomia da sua vida e cegar seus olhos a ponto de se olhar no espelho e não se reconhecer mais. Não permita que façam isso com você.



Somente você tem as rédeas de sua vida, e somente você tem o poder de escolha, deixar ou não que as pessoas a sua volta ou a mídia influenciá-la  positiva ou negativamente.

Devemos estar sempre em movimento, buscando melhorar. Maquiagem é para realçar a beleza já existente em você, assim como atividade física e alimentação saudável para melhorar a saúde, mas não para que nos tornemos escravos disso. Elas são apenas ferramentas para auxílio e não para virar regra a ponto das coisas ficarem desenfreadas. Já vi pessoas desenvolverem compulsões alimentares, transtornos de não conseguirem se olhar no espelho, depressão e muitas outras formas de se depreciarem por acharem que não fazem parte do que a sociedade dita como padrão de beleza. Isso está totalmente errado.

Saiba que você é única no mundo, você é sinônimo de perfeição, beleza pura, joia rara, não existe mais ninguém no mundo como você!

Então, extrai o melhor que você tem, comece de dentro para fora até transbordar sua melhor versão. Você é linda! Nunca se esqueça disso!


Direitos autorais da imagem de capa: wall.alphacoders






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.