ColunistasComportamento

Como é conviver com uma pessoa controladora e ciumenta

Quem convive com uma pessoa ciumenta ao extremo sabe exatamente o inferno que é. Vamos falar dela agora, o que se passa na cabeça dela e o que você pode fazer para amenizar esse problema.



Primeiro, vou explicar como ela funciona. A pessoa que é controladora em tudo tem essa necessidade justamente porque, quando controla algo, ela se sente no poder. Há quem precise controlar tudo, nos mínimos detalhes e, se assim não for, ela se vitimiza e faz um drama fora da realidade.

Pois bem, se você pisar na bola com ela uma vez, é suficiente para ela se achar no direito de sempre controlar você. Não caia nessa. Se a pessoa resolveu perdoá-lo, então você tem de fazê-la agir conforme o perdão, caso contrário, siga sua vida!

Essa pessoa vai fazer da sua vida um inferno. Todas as vezes em que você quiser fazer algo que não seja junto com essa pessoa, ela vai jogar na cara a besteira que você fez. Basta um erro seu para ela sempre pegar no seu pé com a desculpa de que se sentiu traída e não confia mais em você, mas a verdade é que, mesmo antes de você ter errado, ela já era assim, lembra-se? É só mais uma desculpa para reforçar sua atitude egoísta e controladora.


O que pega nos relacionamentos é justamente essa batalha de poder. Um tenta controlar de um lado, e o outro, de outro. É uma briga totalmente desgastante.

É gente querendo disputar quem venceu o tempo todo. Deus que me livre! Se você gosta de bicho, case-se com quem ama bicho. Se você gosta de tomar seus drinks, case-se com alguém que pelo menos respeite isso. Se você gosta de filmes, case-se com alguém que também os ame. Pessoas diferentes demais não dão certo, com o tempo, torna-se impossível a convivência, e vocês ficam aí, dando murro em ponta de faca.

O controlador sempre vai fazer você se sentir culpado. Ele tem um jeito diferente de manipular. Ele se faz de vítima o tempo todo, sempre lembra dos seus erros para você fazer o que ele quer, sempre vem com uma conversa mole de que não confia em você, etc.

Pare, pare de dar pano pra manga agora! Se você quer mesmo passar a sua vida com gente manipuladora, pelo menos aprenda a se impor: “Tudo bem, errei com você, mas estou disposto a fazer melhor do que isso, se não quiser confiar em mim novamente, então melhor seguirmos separados.” E pronto!


Temos uma mania muito triste de sempre querer conquistar o outro. Todas as vezes em que alguém se faz de vítima no relacionamento, e deixa claro que o relacionamento está acabando apenas porque é culpa nossa, porque erramos tanto que ela não consegue confiar em nós, acaba que ficamos ali, a toda hora tentando reparar o nosso erro, caindo nessa manipulação desgraçada, e nos sentimos a pior pessoa do mundo, punindo-nos por ter falhado e, assim, sempre tentando e tentando reparar.

Só que, minha amiga e meu amigo, seus esforços não vão ter fim. A pessoa manipuladora sempre vai querer mais de você. Nunca é suficiente. Você sempre vai ser a pessoa que errou com ela, entendeu?

Não há nada que você faça que mude isso. É o outro que precisa se libertar desse medo, dessa loucura, paranoia. Só faça sua parte, não aceite cair nisso.

Você pode provar de todas as maneiras que é uma pessoa melhor, e ela nunca vai acreditar, e vocês sempre vão continuar nessa dança em que um tenta lhe mostrar que você é mal, e você tenta, tenta, tenta mostrar que não é.


Abra os olhos!

Sobre pessoas boas e bons relacionamentos: cuidado com esses mitos!

Artigo Anterior

Não se limite por nada! Livre-se de tudo aquilo que o impede de viver algo maior e mais bonito!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.