4min. de leitura

Conheça a substância que desperta o melhor de você e melhora suas relações afetivas

Sabia que a Google incentiva a ocitocina para manter o espírito de equipe e ser uma empresa onde os colaboradores trabalham se sentindo muito bem?



Sabia que esse mensageiro químico é fundamental para reduzir o estresse cardiovascular e melhorar nossa imunidade, fazendo a gente viver mais feliz e por mais tempo?

Sabia que ela desencadeia a liberação de serotonina e alivia a ansiedade? Sabia que ela aciona a dopamina, que eleva sua motivação para atingir metas, foco e aprendizagem?

Talvez você conheça a ocitocina por ser considerada o “hormônio do amor”, talvez porque ouviu falar que ela controla as contrações durante o trabalho de parto, ou ainda por ser ela a responsável pela serenidade que as mães desfrutam ao amamentar.


Tudo isso é importante! Mas esse mensageiro químico que transita no nosso corpo é muito mais do que isso e faz muito mais do que isso.

Ocitocina nos torna melhores também para o outro

O que importa realmente é que a ocitocina ajuda na nossa melhor versão, motiva-nos a ajudar outras pessoas, a sermos dignos de confiança e compassivos. Ela reúne o tipo de comportamento carinhoso e generoso, que nos leva a uma convivência saudável conosco e com o outro.

Segundo Paul Zak, neuroeconomista, esse mensageiro químico é a base de nosso comportamento moral. Em seu livro “A molécula da moralidade”, o autor explica por que algumas pessoas são generosas e outras têm um coração de pedra, por que algumas pessoas são mais fiéis do que outras…


E o mais fantástico é que os últimos estudos da neurociência demonstram que podemos deflagrar a ocitocina através do simples ato de confiar, através de um olhar carinhoso…

Mas, para continuarmos a nossa reflexão, é importante que você saiba mais algumas coisinhas muito importantes sobre esse maravilhoso mensageiro, que é a ocitocina.

Veja rapidinho este vídeo!

Dicas de Paul Zak, considerado o Dr. Amor, para liberar ocitocina e ser mais saudável:

  • Frequentar mais locais que incentivam a confiança e o contato físico, como salão de cabeleireiro, barbearia, espaço de ioga, práticas de esportes coletivos…
  • Olhar mais afetivamente para as pessoas, abraçar mais os amigos e pessoas de que você gosta são ações simples, gratuitas e com benefício enorme agregado.
  • Independentemente de cunho religioso, fazer mais rituais de fé, de agradecimento, de reconhecimento, de contemplação, pois aumentam muito a ocitocina.

Aposto que, começando algumas mudanças agora, não apenas você muda, mas tudo ao seu redor.

 

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Amor: 123RF Imagens.

Você sabia que O Amor está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.