3min. de leitura

Ela já sobreviveu a tempestades e superou muitas saudades

Ela aprendeu a ser de verdade, em um mundo cada vez mais de mentira. 

Ela não teme abismos, não foge da raia. Ela é abstrata, mas o seu coração é real e sua vontade de ser feliz é cada dia mais concreta.



Ela é dura na queda e nunca abaixa a cabeça para o mal, porque vai à luta sempre munida de fé e muito amor.

Ela é frágil, não como uma flor, mas como uma bomba. Porque aprendeu que algumas explosões são necessárias e, toda vez que se despedaça, ela volta mais inteira e mais disposta a vencer. Sempre que alguém duvida de sua capacidade, ela vai lá e faz.

Ela mostra sua força, com graça e delicadeza. Ela é heroína do seu conto de fadas, porque conseguiu se salvar antes do príncipe chegar.


Ela é protagonista de uma história que termina do jeito que ela decidir, porque assumiu o controle e não perde mais tempo tentando controlar o que não pode ser controlado. 

De mãos dadas com o destino, ela desfila na passarela da vida, de cabeça erguida, confiando em seu propósito, sem se comparar com ninguém, competindo apenas com ela mesma.

Ela, às vezes, chora, sim, porque ela é humana. Ela ainda erra, sim, porque ela não é perfeita.

Mas ela se perdoa, ela se aceita, porque hoje ela é livre, ela fez as pazes com suas sombras e percebeu que quanto mais se enfrenta, mais ela ‘se’ vence.


Hoje, ela trabalha para a Luz, que a guia, que a alimenta, que a sustenta. Sua inspiração vem da compreensão de toda a divindade que existe dentro dela.

Ela é a manifestação do amor de Deus, da força maior do Universo e, por isso, ela sabe que é invencível. 


Direitos autorais da imagem de capa: wall.alphacoders / 478439

Você sabia que O Amor está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.