Eleve-se em Deus, eleve-se naquilo que você julga como bom!

4min. de leitura

Estou pensando em algo para lhe dizer, mas acho que Deus já diz, Deus afasta, Deus cria, Deus cura, Deus alerta. Deus está presente em cada passo seu.



Tenho certeza de que neste instante em que lê isso, você pressente algo vindo em sua direção, pressente seu estado de fé e luta, pressente que só você tem a voz para sua libertação.

Vem vindo, vem chegando, mas suavemente, sem dispersar sua alma, vem chegando devagarinho, envolvendo todos os seus sentimentos e emoções.

Abra esses compartimentos, abra esse coração, abra e se permita receber esse lenitivo.


Não se sinta nada além do que um filho em busca de abrigo, um filho da paz que já perdoou as próprias guerras, um filho do amadurecimento e cura, da luz e da calma espiritual.

Respire e transfira para fora o que o está sobrecarregando, o que está danificando, o que é tóxico e prejudicial. Não se apresse, não se distancie desse momento só seu, apenas sinta essa energia de amor que o envolve, sinta que você está sendo abençoado por uma grande legião de espíritos amigos e que você está sendo ouvido através da sua prece de gratidão.

Hoje é mais um dia de vida, mais um dia em que você se concede viver aquilo que se permite, ser sem se contorcer tanto, sem se curvar, sem achar que não existe saída.

Estou aqui observando como Deus é bom, como ele consegue reativar as suas células de cura, as células que ligam o seu corpo à sua essência. Deus é esse ponto de luz em que você toca e sente a energia, é onde você se cala e ouve tudo que precisa ouvir.


Saiba que também passo por minhas dificuldades, passo por grandes mudanças, passo por coisas que jamais esperei que um dia fossem acontecer. Todos os dias elas acontecem. Ninguém está livre das transições, das adversidades, de certa competitividade que a vida por vezes impõe.

Estou confiante diante do que recebo. Esteja confiante agora, esteja produzindo dentro de si menos revolta ou desespero.

Eu não troco um dia de aprendizado, de aprimoramento por um tempo em que posso me afundar em lamento, em que possa novamente pisar naquele campo perigoso onde só encontrei destroços meus.

Eu não tracei o meu destino, mas fiz dele o que sou hoje. E tenho certeza de que agora, ao fechar os olhos, você está se conectando com seu “eu”. Eleve-se em Deus, eleve-se naquilo com que você compactua, com o que julga como bom.

Atraia esse tempo de humanização e rompa as correntes da escravização. Você tem o direito de sorrir, de amar, de construir. Você merece. Pense nisso sempre.

Não apague a chama da sua vida, ela precisa de você para abrir caminhos e conduzir você!

 

Direitos autorais da imagem de capa: YURI MANEI/Pexels.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.