“Esvazie sua mente, não se prenda a formas ou modelos, seja como a água!”

A importância da água: somos, vivemos e sentimos energia!

Vivemos num planeta o qual 70% é coberto pelos oceanos, e seguem a mesma proporção os corpos físicos humanos, que também são 70% água, fato que poderia ser uma prova de que integramos um todo e que esse todo nada seria sem a nossa presença, e nós nada seríamos sem o todo. Assim, somos membros essenciais de um vasto corpo, inicialmente na dimensão do planeta Terra, progressivamente, até ser alcançada toda uma dimensão universal e seus multiversos, todos criados por uma imensurável energia de amor incondicional: Deus!

Aquilo que compõe os seres humanos e todo um planeta em 70% é leve, transparente, mas essencial. A água sacia a sede, extrai impurezas, faz bem aos olhos admirá-la quando cai do alto ao solo terrestre. Seu som é relaxante, mas quando enfurecida, de essencial, torna-se imperiosa, impiedosa!

A água é pura energia, de leve potência ou de extrema resposta da mãe natureza!

A água é também receptora de energias externas. Masaru Emoto, pesquisador e cientista japonês, comprovou que a energia, pensamentos e palavras, positivas ou negativas, podem influenciar em nossa vida. A prova foi realizada através do elemento que compõe 70% dos seres humanos e do Planeta Azul: a água!

Inicialmente, a pesquisa foi realizada com o auxílio de arroz. Foram colocadas três porções de arroz, em frascos de vidro, em separado. No primeiro frasco, o pesquisador escreveu “Obrigado”; “Eu amo você”; no segundo, “Eu odeio você” e “Seu idiota”. Em relação ao terceiro, ele foi totalmente ignorado.

Passados trinta dias, Masaru pediu aos alunos que gritassem em direção aos frascos, aquilo que estava escrito neles. Ao final, o arroz do frasco com o pensamento positivo, havia começado a fermentar, desprendendo um aroma agradável. O arroz do segundo frasco, apresentava cor preta e o terceiro frasco, ora ignorado, apresentou acúmulo de bolor, no caminho à decomposição.

Noutra pesquisa, ainda mais profunda, foram usadas as moléculas d’água, que foram levadas à análise. Foram elas submetidas a diferentes sentimentos humanos, pensamentos e músicas. Assim, os cristais de água foram fotografados, e cada qual evidenciava formas diferentes, das mais belas às mais repugnantes.

As moléculas associadas às músicas mais calmas, bons pensamentos e sentimentos, exteriorizaram aspectos mais cristalinos, definidos e belos, como se cristais realmente fossem; de outro lado, as moléculas que sofreram influência dos pensamentos e sentimentos negativos eram disformes e turvas.

Logo, se o nosso corpo e o planeta, enfim, ora compostos por uma média de 70% de água e esta sofre influência das energias externa e interna, deveríamos ter cautela quanto aos nossos pensamentos, quanto ao que difundimos; ao que absorvemos; quanto ao ambiente que frequentamos, ao que dizemos e escutamos; ao que vemos, sentimos e até comemos, para que não nos contaminemos energeticamente, pois 70% de água em nós, no mínimo, estará contaminada e, assim, cada ser humano emitindo 70% de energia negativa retrógrada, poderá contaminar o planeta Terra e este, por sua vez, disseminar energia a outros seres, na mesma proporção.

Somos parte do planeta; somos membros de um verdadeiro corpo infinito e não podemos deixá-lo doente.

Somos avatares e estamos permanentemente em comunhão com a mãe natureza, que nos cedeu o direito de possuirmos o mesmo percentual de água no corpo, se comparado a todo o nível dela, existente neste planeta, resguardadas as devidas proporções.

Até as artes marciais poderão ser fonte de energia e sabedoria, sobre o elemento “água”. Bruce Lee, ícone das artes marciais, embora tenha partido cedo, deixou-nos diversas lições, dentre delas:

“Esvazie sua mente, não se prenda a formas ou modelos, seja como a água! Você coloca água em um copo, ela se torna o copo; você coloca água em uma garrafa e ela se torna a garrafa; você a coloca em uma chaleira, ela se torna a chaleira.  A água pode fluir ou colidir. Seja água, meu amigo”.

Você, seu mundo, seu planeta, seu universo, todos são valiosos demais, para que sejam absorvidas energias repugnáveis.

Seja água, não tenha forma, flua, mas somente se for positivamente e para acrescentar ao ser alheio! Somos, vivemos e sentimos a ENERGIA!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF/kapu




Deixe seu comentário