Eu já sofri demais por sua causa, mas chegou a minha vez de dizer “não”

3min. de leitura

Não quero mais viver esperando por tudo aquilo que você não pode me dar.



Não.
É isso mesmo que você ouviu.
Não volto para onde fui tão infeliz.
Não acredito mais nas suas desculpas tão bem decoradas.
Não quero mais ver mudança alguma em você, porque não creio que você possa mudar.
Não quero mais viver esperando por tudo aquilo que você não pode me dar.
Não!

Não vou mais te ouvir, nem responder a tuas mensagens
Não vou contigo fazer aquela viagem que por tanto tempo sonhei.

Agora é tarde
Por tempo demais eu te esperei
Não me importa mais com quem você está, nem as tuas lágrimas
Do mesmo jeito que você nunca se importou com as minhas
Não cedo, não te atendo, não faço a menor questão de saber de você.


E não, não é mais uma ameaça, na fraca esperança de te fazer perceber a burrada que estava fazendo em me perder

Eu não vou reconsiderar nada, nem me arrepender.
Arrependimento, meu bem, só de ter gasto tanto tempo com você.

Não vou buscar nada
Fique com a casa, jogue fora, faça o que quiser
Por você, não perco mais uma noite de sono sequer.

Não
Eu não quero teu dinheiro
Nem teu sincero pedido de perdão
Foi-se o tempo em que você tinha meu coração.


Eu mudei tanto nos últimos anos e você nem percebeu, claro, sempre tão focado em si mesmo
Achou que para sempre me teria na mão.

Por favor, poupe o discurso; não venha chorar no meu portão
Não ligue para os meus pais nem procure meus amigos.
Nada do que você fizer será capaz de te dar alívio
E não é vingança, chama-se Lei do Retorno.

Não force a barra pra me ver
Eu nunca fui a boba iludida que você achava, eu só te amava
Você é que foi tolo demais para perceber.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.