Felicidade é quando o vento bagunça os cabelos e a vida nos remexe por dentro

3min. de leitura

Felicidade é poder rir descaradamente feito criança com picolé na mão. É acordar no meio da noite, olhar para o relógio e descobrir que ainda são duas da manhã.

É brincar com o cachorro, ganhar lambidas na testa e mil pelos de brinde na roupa.



É ir à padaria com moletom surrado e, ainda assim, sentir-se atraente.

É comer pastel de feira e não contar calorias.

É entender que perfeição não existe e que os defeitos dão um charme extra para cada olhar.


É ligar para a melhor amiga, sem nada para dizer, e sentir-se acolhida.

É ter um bilhão de sonhos e toda certeza do mundo que os realizará.

É ter fé de sobra e saudades para contar histórias.

Felicidade é não ter pressa. É deixar o medo de lado e abraçar bem apertado.


Felicidade é não ter uma receita, mas ter ingredientes suficientes para criar o que desejar.

Felicidade é coisa que não rima com relógio. Vem quando não se espera por mais nada, vem no meio da tarde de quinta, ou debaixo de chuva num sábado de manhã.

Felicidade é pão com manteiga na chapa, café feito na hora, bolo de fubá e mãe perto da gente para abraçar.

Felicidade é ser gentil consigo mesmo. É rir dos próprios defeitos e encontrar sempre mil motivos para seguir, sem medo de olhar para trás.

Felicidade é pintar a vida com fé, distribuir amor e dividir o que preciso for.

Felicidade é ter para onde voltar depois de um dia ruim. É ter família para nos acolher e abraço bom para nos acomodar.

É tratar bem quem não é bom com você. É pedir perdão, mesmo que você não seja culpado.

É silenciar quando quiser reclamar.

É quebrar regras e a cara de vez em quando.

É sentir a barriga gelar e a bochecha corar só de ver seu amor passar.

Felicidade é chocolate quente e coração ainda mais. É grama fresquinha para descansar o calcanhar. É bilhete perdido no bolso e palavra que vem para somar.

Felicidade é quando o vento bagunça os cabelos e a vida nos remexe por dentro.

Felicidade é coisa que assusta, é danada e esperta.

Alguns duvidam que ela chegue, mas a verdade é que estão distraídos demais para vê-la passar.

Felicidade não é sorte, nem jogo. Felicidade é um momento, uma fração de segundo. Você pisca e pluft!


Direitos autorais da imagem de capa: wallhere.com / 1443051

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.