publicidade

Feliz ano novo, feliz recomeçar! Que Deus abençoe nossos lares e nossas famílias!

O ano de 2020 foi totalmente atípico. É normal muitos quererem que este ano difícil acabe logo. Sem dúvida, um ano desafiador, que veio testar tudo que tínhamos de verdadeiro dentro de nós.



E você, sabe o que realmente há dentro de si?

Este ano complexo também nos mostrou muitas coisas fundamentais, descobrimos com quem podemos realmente contar, quando estamos sozinhos, quem realmente amamos, quem vale a pena trazer para perto e quem manter no famoso “distanciamento”.

Para quem conseguiu e se permitiu fazer reflexões profundas sobre a vida, este ano mostrou o sentido de tudo. Tanto para quem se perdeu tantas vezes no decorrer de um ano complexo como para quem se encontrou também inúmeras vezes, 2020 será lembrado por nos ensinar a importância de sentimentos como amor, compaixão e cooperação.

É verdade que o ano parecia que não ia terminar nunca, mas durou o tempo suficiente para trazer esperança infinita para quem não tinha nenhuma e renovar as esperanças de quem já as tinha.

Antes deste vírus, já sabíamos a finitude de tudo, mas este ano nos mostrou empiricamente o quanto esta finitude é muito próxima, isso sempre foi difícil de entender ou imaginar.


Falando em imaginar, a imaginação criativa, a arte e a cultura estão sendo essenciais para nos trazer alguma paz, alguma alegria, alguma saúde mental em meio a tantos turbilhões e desgastes, neste sobe e desce desta imensa montanha-russa neste 2020. Foi um ano em que todos os dias nos convidaram a reinventar e reinventar, a ressignificar e a ressignificar…

Todos vieram a desacreditar, a morrer um pouco em alguma coisa, em algum momento, e ao mesmo tempo voltaram a acreditar, a renascer, a reviver.


De fato é bom saber que a partir de agora tudo é maior e mais importante, que a vida não é mais como era, e não vai ser, que ela não é adiável, não é qualquer coisa. Que a minha vida, a sua vida, a vida de todo mundo é muito importante.

Não será mais possível viver da mesma maneira. Somos agora e não ontem, e ainda não somos o amanhã. Sentimos a vida melhor, possibilidades e oportunidades não podem ser mais adiadas nem esquecidas, são para serem vividas hoje.

A palavra que precisa ser dita, sim ou não, ou o beijo que se quer dar é para agora. O que se pretende findar ou começar, o que é necessário ou o que ficou ultrapassado é preciso resolver hoje. A importância de uma pessoa é inadiável e também a declaração de um amor. Tudo que poderia esperar um dia se tornou já.

A vida virou uma declaração de amor a si mesmo, a alguém, à própria vida, o insosso está banido, está muito ultrapassado, este ano fez questão de nos trazer esta lição.

Daqui para a frente, teremos vidas mais saborosas, com toques mais verdadeiros. Nós nos despedimos de 2020 e entramos em 2021 com muito mais disposição para viver e ser feliz de verdade! Que nossas escolhas sejam feitas com reflexão e amor que nos tragam ponderação para não escorregar em falsas sensações.

Que o novo ano chegue cheio de muitas coisas boas, com muitas alegrias e todo amor que existe em toda gente!

Baixe o aplicativo do site O Amor e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.