Mantenha o frescor da sua alma!

4min. de leitura

Muito já foi e continua sendo dito sobre como conservar a juventude, a alegria, o sorriso largo no rosto, a paz interior e tantas outras coisas que realmente precisamos ter para o nosso equilíbrio e disciplina para um bem-estar. Porém, nada de tais conselhos e/ou caminhos que sejam ensinados adiantarão se não for mantido o que é mais puro dentro de nós mesmos, senão tudo que se tenta aprender será em vão .



O frescor da alma se alimenta daquilo que sonhamos e no que cremos ,e somando aos instantes em que a felicidade aparece _ a felicidade não é aquela idealizada nos filmes,e sim a que se perdura nos momentos: numa conversa informal,num beijo longo e apaixonado,num abraço carinhoso,no degustar de uma enorme taça de sorvete, num banho divertido de mangueira, numa ida ao cinema sozinho,e etc.

Quando aprendemos a reconhecer esses momentos simples e que os mesmos nos preenchem de uma maneira tão inexplicavelmente boa, daí então, começamos a perceber, que a nossa alma não precisa de muito para sentir satisfação.

Há aqueles que já atingiram esse estágio de percepção e vivem desprendidos de qualquer soberba ou egoísmo e anseiam por querer dividir com todos essa percepção de que alma só precisa se manter fresca e num tom pueril para se ter a visão mais ampla de tudo. Podem até achar isso tudo muito romântico. Sim,pode até ser, contudo sei que é sim, na singeleza das coisas e nos modos de viver, que a nossa luz interior se mantém firme e acesa mesmo cruzando com tanta negatividade por aí.


Portanto, dance na sala se tiver vontade, cante alto se assim o quer,faça as suas preces, ande na chuva, ande descalço, mergulhe numa piscina de bolinhas,tome aquela taça de vinho ouvindo uma boa música( se for jazz,melhor ainda), ligue para alguém que está com vontade de ligar e diga EU TE AMO, lute por seu projeto engavetado há anos, compre flores para sua casa,acenda um incenso, desligue o celular,faça um bolo e convide as amigas para um lanche da tarde…enfim,mantenha-se no frescor da vida, e quando vier (e como sempre vêm) as danadas das adversidades, você terá força de sobra para enfrentar tudo e ainda aprender mais.

E lembre-se: não se compare a ninguém. Não compare a sua vida com a do outro com críticas carregadas de inveja. Inveja não atrasa a vida do invejado, e sim de quem pratica inveja. Quando alguém está no instante da felicidade, está gozando de prazer que a vida proporciona e vida é dom de Deus. E você? Onde está nesse momento? Está no momento de dar brechas para lamúrias ou está se permitindo aos instantes de felicidade? E o que anda fazendo para alimentar o frescor da alma?

Acho que a poeta Rosangela Calza pode ajudar a responder com esse lindo poema:


“Há gente de alma branquinha… levinha, de sorriso fácil, de olhar que não reflete maldade, de palavra de paz, só de coisa boa é capaz… Tem gente assim bem perto de mim, com beleza no gesto, procura só igualdade… Essa gente perto de mim é causa da minha felicidade…” – (Rosangela Calza)

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.