ColunistasSuperação

Muitas vezes não percebemos o quanto mudar é preciso, até que algo nos obrigue

Muitas vezes

Sim, eu errei há a um tempo atrás. Errei feio, arrependi e mudei. Eu sei que eu mudei e por isso eu acredito na mudança.



A vida sempre nos oferece diversos caminhos e nos coloca de frente com as consequências de nossas escolhas para que tenhamos a chance de refletir, aprender e mudar com os nossos erros.

Já não sou a mesma pessoa de tempos atrás, já não tenho os mesmos pensamentos, nem mais os mesmos preconceitos, mudei minha maneira de enxergar os meus pais, mudei de planos para o futuro, por entender que nada cai do céu, mudei meus hábitos alimentares, mudei de opinião, mudei de amores, mudei de prioridades.

Para mudar é preciso ter uma segunda chance, e a vida nos proporciona essa chance a cada novo amanhecer, mas, muitos de nós não percebemos o quanto mudar é preciso até que algo nos obrigue, e aí nós suplicamos por mais uma chance.


É assim com nossa saúde, estudos, oportunidades de trabalho, família, relacionamentos. Eu fico pensando em casais que se separam depois de 10 anos juntos, será que a segunda chance está em terminar o relacionamento e depois tentar novamente?

Ou a segunda chance esteve em todos 3.650 dias em que estiveram juntos?

Amanhã se eu receber da vida mais uma chance eu vou fazer diferente o que hoje eu fiz errado, vou melhorar o que pode ser melhorado e vou aproveitar o que pode ser melhor aproveitado.

E quando eu não tiver mais chances eu quero dizer: eu aproveitei todas as oportunidades que eu tive de ser feliz!



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: dmitrimaruta / 123RF Imagens


O que tinha no carrinho?

Artigo Anterior

Eu escolho acreditar que o que eu quero é possível, mesmo que ainda não saiba como as coisas vão acontecer

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.