Colunistas

Não desista, porque o Céu se abrirá e a mão de Deus atuará em seu destino!

Se você estiver sem esperança, abra um versículo, faça uma prece, reflita sobre o seu momento presente.



Ajoelhe-se, se for preciso, e não ache isso constrangedor, porque diante do sagrado, toda gratidão é necessária, é confissão diante de tudo o que seu alicerce tem segurado.

Acredite naquilo que o cura e lhe dá sustentação. A sua crença é aquilo que o faz sentir as mãos de algo maior amparando-o, ouvindo você, dedicando-lhe condições de melhora física e espiritual.

Constrangedor é não viver seu momento presente, é não cuidar de você, é não conseguir se soltar das amarras que prendem sua vida, é você se sabotar, é você não conseguir gerenciar as próprias emoções e sentimentos, achando-se sempre no dever de se cobrar, como se fosse um eterno devedor.


Você sabe exatamente onde foram sentidos seus pontos de dor, você sabe as coisas que fez, as coisas que disse, as coisas que lhe colocaram uma camada a mais de alegria, de tristeza, de incerteza, de medo, de amor, de paixão, de fé nos dias.

Nos dias mais instáveis, mantenha-se protegido, mantenha-se com o coração buscando equilíbrio. O Céu se abrirá e, no momento em que você atravessa, haverá a mão de Deus atuando em seu destino.

Se você estiver cansado, descanse. Não se combata tanto nem se queira urgente, quando não aguentar mais caminhar. É natural que, em alguns momentos, seu corpo fale, seu espírito precise de cuidado e atenção.


A roupa que você veste já não importa. É o seu revestimento espiritual e sua consciência que lhe servem de abrigo interior.

Se você consegue se sentir de alma lavada e pés descalços, como se nada pudesse prendê-lo, é como se Deus lhe dissesse: “Filho, na minha casa, onde todo amor é bem-vindo, onde toda compaixão é oferecida e todo perdão doado, fique à vontade para descansar quando quiser.”

Tire essas tormentas imaginárias, retire esse invólucro de onde a mágoa se torna um lodo, infeccionando seu coração.


Se você confia e sabe que tudo é transitório, também saberá que tudo passa e que, entre altos e baixos, há você combatendo seus inimigos, lutando pelos seus sonhos, trazendo para dentro da sua casa a paz que deve ser sempre renovada e não esquecida.

O melhor voto de esperança que você pode se dar é não se deixar abater nem se curvar diante de quem gostaria de vê-lo no chão.

Ao amadurecer, ao investir mais em você e não nos outros, você colherá os frutos do seu plantio.


Quando você encontrar seu ponto de equilíbrio emocional, nem as piores tormentas lhe tirarão do eixo, porque você saberá como se defender, saberá como transitar, saberá como agir em situações de maior pressão interior.

Seja sempre seu melhor amigo. Benza-se, proteja-se, vigie-se! O caminho da luz é onde você sente que já se encontrou e também se perdoou.


A decepção dói tanto, porque vem das pessoas que mais amamos. Perdoe-as e siga em paz!

Artigo Anterior

Quero alguém que tenha orgulho de mim, que se preocupe e esteja comigo, haja o que houver

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.