Ninguém pode dizer que tem autoestima sem zelar por todos os ingredientes de sua vida

AUTOESTIMA!

 Estimar é atribuir valor, portanto é atribuir grande valor a si mesmo. No entanto, o valor se mede pelo cuidado, não pelos discursos.

Quando alguém confere muito valor a algo, costuma tratá-lo com IMENSO CUIDADO! Tem caras que não admitem um mísero arranhão em seu carro. Tem mulheres que cuidam tanto do seu cabelo que chegam a evitar locais como praias. Não seria coerente se um cara dissesse que ama seu carro e o deixasse jogado às traças. Entre o discurso e ação, o que vale é a ação.

Seguindo esta lógica, ter autoestima é CUIDAR DE SI MESMO, COMO UM MORDOMO QUE SERVE A REALEZA!!!

Uma pessoa que tem legítima autoestima dá o seu melhor para si. Ela não permite que sua vida fique abaixo do bom. Não cuida apenas do corpo ou da aparência: ELA VIVE EM PROL DE FAZER DE SUA VIDA UMA EXPERIÊNCIA GLORIOSA!!!

Faço esta observação porque tem uns que cuidam do corpo e andam bem vestidos, e por isto creem que têm autoestima.

Muitas vezes, estão longe de ter. Voltando ao exemplo do carro, um cara que ama seu automóvel não se preocupa apenas com sua lataria, mas sim com tudo que a ele concerne: calibra pneus, balanceia, lubrifica o que tiver que lubrificar, limpa frequentemente, evita uso indevido, não quer que pessoas sujas se aproximem dele e por aí adiante.

Ninguém pode dizer que tem autoestima sem zelar por todos os ingredientes de sua vida (sua profissão, seu desenvolvimento intelectual, sua organização financeira, sua abertura para novas experiências, aventuras e SOBRETUDO, seu cuidado de não permitir a entrada de qualquer um em sua vida).

Você está cuidando de você como um amante de carro trata seu automóvel?

Marque um amigo que possa gostar desse conteúdo. Ajudar o próximo é primordial para nossa evolução.


Direitos autorais da imagem de capa: wallhere.com / 201627




Deixe seu comentário