5min. de leitura

Obrigada, meu Deus, por essas pessoas especiais que o Senhor põe em meu caminho…

Não existe data comemorativa que possa nos impedir de dizer todos os dias o quanto somos gratos por ter pessoas especiais em nossas vidas…

O calendário é repleto de datas comemorativas ao longo do ano. Dia dos pais, dos irmãos, do amigo etc. e, muitas pessoas, só homenageiam as pessoas quando o calendário marca “o seu dia”, seja ele uma data comemorativa ou até mesmo o próprio aniversário.



Mas devemos ser mais profundos do que isso e demonstrar que damos graças a Deus todos os dias por ter essas pessoas fazendo parte e sendo a fatia mais bonita da nossa caminhada neste mundo.

E se não agradecemos ainda, devemos começar a agradecer a Deus por colocar pessoas luz em nossas vidas, porque se somos gratos por aquilo que conquistamos, devemos ser mais gratos ainda por aqueles que cativamos.

Não existe calendário para o amor, não precisamos de um dia no calendário para nos lembrar do quanto essas pessoas são especiais e para mostrarmos a elas o quanto nos importamos. Além disso, não existe data comemorativa que possa nos impedir de dizer todos os dias o quanto somos gratos por ter pessoas especiais em nossas vidas.


Para que se prender a uma data comemorativa, se podemos comemorar o ano inteiro, a alegria de ter as pessoas que mais importam ao nosso lado, sempre que for possível, e dentro do nosso coração, quando não pudermos estar com elas…

Demonstrar às pessoas que nos importamos não significa ficar fazendo homenagens a todo o momento nas redes sociais, é muito mais do que isso: é demonstrar no dia a dia o quanto nos importamos, por meio de nossas ações.

É dar ombro amigo quando necessitam, é ligar para saber como estão, é mandar um recado carinhoso, mas mais do que isso é estar presente fisicamente, quando mais precisarem de nós, porque tenho a certeza de que quando mais precisarmos elas estarão ali do nosso ladinho, sorrindo para nós e nos fazendo ficar bem.


A verdadeira profundidade do ser humano anda escondida, envolta pelo medo do que os outros vão pensar. Mas e daí? Deixe que pensem o que quiserem, não teremos arrependimentos. Porque se deixarmos de dar importância ao que mais importa, a vida não vale a pena e nunca entenderemos seu sentido.

Muitas pessoas se calam quando podem dizer palavras doces e guardam dentro de si toda a preciosidade que deviam guardar no coração alheio e só se arrependem de dizer o quanto se importam quando isso não é mais possível, porque as pessoas não podem mais ouvir. Que saibamos dizer enquanto temos tempo, porque enquanto for tempo sempre é tempo e devemos aproveitar certos segundos, pois eles não voltam e as pessoas, quando se vão, também não.

Que tenhamos a sabedoria de prender as pessoas que nos cativaram, não com grades, mas com a nossa afetuosidade e com nossas doses de amor e demonstração de carinho por meio de nossos gestos.

Assim, aqueles que amamos sentir-se-ão em total liberdade, mas nunca terão vontade de voar para longe porque, quando as pessoas fazem morada em nosso coração e encontram reciprocidade, entendem que o voo mais bonito é aquele que nos leva para dentro do coração de alguém e sair dali seria como deixar de lado um laço muito valioso: seja ele o laço da amizade, do amor ou da família.


Direitos autorais da imagem de capa: Annie Spratt on Unsplash

Você sabia que O Amor está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.

* Matéria atualizada em 13/03/2018 às 6:29





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.