Colunistas

Oração da mulher que está se curando

Foto: Pixabay
oracao

Diante deste espelho, olhando em seus olhos, eu declaro que te perdoo por todas as vezes em que mendigou amor, afeto, carinho e atenção.

Receba o meu perdão por todas as vezes em que você confundiu migalhas de afeto com banquete de amor. Eu não te culpo, é que te ensinaram que “é melhor pingar do que faltar”, por isso você sempre se contentou com tão pouco.

Eu libero o meu perdão por todas as vezes em que você se diminui para não deixar um homem desconfortável.

Está perdoada por todas as vezes em que você se sentiu culpada por pedir o básico. Você não estava pedindo demais, e o justo seria ter recebido tudo, sem ter que pedir nada.

Eu te perdoo por todas as vezes em que você sentiu que devia ir embora, mas não teve coragem, por medo de se arrepender. Na verdade, era medo de não encontrar alguém melhor, por não se sentir merecedora do amor.

Eu te perdoo por todas as vezes em que você assumiu culpas que não eram suas, para que as brigas cessassem. Você preferia ter paz do que ter razão, mas nunca funcionava. Você foi se transformando num barril de ressentimentos e dores.

Eu te perdoo por todas as vezes em que você doou o seu sagrado a quem nunca mereceu nada seu. O azar foi o de quem não conseguiu valorizar tudo aquilo.

Eu te perdoo por todas as vezes em que você acreditou que você era o problema; pelas vezes em que acreditou que você era difícil de ser amada. Não é nada disso, moça! Nas mãos certas, você vai entender que nunca teve nada de errado contigo.

Eu te perdoo por todas as vezes em que tentou mudar o seu jeito de ser para tentar agradar. Nunca mais faça isso, você é linda, fascinante e incrível do jeitinho que você é.

Vamos limpar esse coração lindo? Há muita coisa linda reservada para você viver. Você não faz ideia!