publicidade

Quando percebemos que, independentemente da situação, sempre devemos agradecer, então compreendemos o Natal

Com o tempo, as pessoas parecem vivenciar de forma diferente o Natal, mas nem sempre isso significa que a celebração se torna mais madura, como se poderia prever.



O que se observa é que, para muitos, conforme vem a idade, essa época do ano parece cada vez mais triste. Motivos não faltam: dificuldades do ano atípico em que vivemos, comparação com épocas passadas; pessoas da família que não estão mais presentes ou porque morreram ou por morar longe; filhos que cresceram, fizeram suas próprias famílias e agora celebram com ela; problemas financeiros, conflitos familiares e tantos outros.

Quando crianças, saber que era Natal bastava e, mesmo sem grandes festas ou presentes, era sempre motivo de alegria, porque nessa época não havia grandes preocupações. As crianças têm muito a nos ensinar! Não foi a magia que acabou e sim a forma de ver a situação, sendo uma questão de óptica, existem outras maneiras que podem ser vislumbradas.

Motivos para alegria não faltam: se é verdade que houve perdas, também o é que ganhos se somaram; mesmo sentindo a falta de alguns, outros afetos se agregam; as crianças cresceram, mas possivelmente outras nasceram ou estão por nascer; lidar com problemas financeiros e conflitos familiares são aprendizados importantes e existem muitas outras razões a serem enumeradas.

O espírito do Natal pode ser a alavanca que nos impulsiona a encarar essa data com uma visão diferente, muito mais justa e oportuna, já que comemoramos o nascimento do Cristo.

Uma visão de conciliação, de empatia com os outros, de enxergar a vida por outros ângulos, de ser mais compreensivo e tolerante com ideias diferentes. Celebrar com aqueles que estarão ao nosso lado nesse Natal, ainda que seja em menor número. A saudade nos faz avaliar o quanto gostaríamos de ter valorizado mais cada momento junto aos que não estão mais conosco.


Então por que repetir o erro?

Natal significa introspecção e espiritualidade. Sem contar que não precisamos olhar muito longe para perceber que se não temos tudo o que desejamos, temos muito mais do que muita gente sequer ousa desejar. Quanto mais tempo a pessoa demora nas margens do significado da época, mais triste será a cada ano.


Quando percebemos que, independentemente de qualquer questão, sempre temos mais a agradecer, então compreendemos que o Natal é uma data a ser celebrada de coração.

Feliz Natal!

 

VDireitos autorais da imagem de capa: Depositphotos.

Baixe o aplicativo do site O Amor e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.