ColunistasComportamento

Tire o lixo da sua casa, desapegue do que não usa mais! Casa arrumada, vida fluindo!

Tire o lixo da sua casa 2

Quando estava doente (mental e espiritualmente) a casa onde eu morava era fria.



Paredes úmidas e escuras, um ar gélido tomava o local. Lembro que algumas pessoas não conseguiam entrar lá, sentiam-se desconfortáveis.

Quando comecei a fazer os processos de limpeza, vidros se quebravam, lâmpadas piscavam, produtos eletrônicos queimavam…

Pode imaginar como a energia estava densa?


Assisti, não me lembro onde, a uma palestra explicando como a nossa casa reflete nosso interior. E resolvi testar aquela teoria.

Já havia começado as meditações, limpezas de crenças e terapia havia alguns meses.

Em um dia, tirei seis sacos daqueles de 100 litros de lixo de dentro de casa. Seis sacos. Papéis velhos, objetos quebrados, coisas que não usava havia anos e levava comigo, sujeira, papéis inúteis…

Em seguida, comecei uma faxina pesada. Paredes, chão, teto, armários, geladeira… Lembro de dormir cansada naquela noite, mas tive uma ótima noite de sono.


Comecei a procurar fotos de como gostaria que meu quarto fosse. Almofadas coloridas, luzes brancas… e, sem perceber, em pouco tempo, estava dormindo no quarto que desejei.

O dono do condomínio pagou para pintarem a casa para mim. Ficou linda! Parecia outro lugar. Eu estava tão grata.

Tudo isso ocorreu junto com as mudanças internas pelas quais eu estava passando e já descrevi aqui algumas vezes. Ou foram resultado delas?

Agora eu tinha prazer em desfrutar daquele local. Curtia cada cantinho. Voltei a cozinhar para mim. Cuidava, enfeitava. Ela voltou a ter luz, ser clara. Assim como eu.


As pessoas voltaram a me visitar e a gostar de ficar lá. Enquanto eu voltava a ter prazer em minha própria companhia.

Lembro que recebi até proposta de mudar de casa dentro do condomínio porque as pessoas queriam aquela (risos).

Como anda a sua casa? E seus armários? Organizados ou bagunçados? Sujos ou limpos? Escuro ou claro? Tem um odor agradável ou incômodo? Você tem prazer em estar nela?

Reflita sobre isso. Compare com seu estado emocional e tenha certeza de que pode reverter a situação.


Só depende de você!

Ninguém aguenta mais essa diarreia de regras

Artigo Anterior

Descoberta por famosos, menina de comunidade tem chance de ser modelo!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.