Vai com medo mesmo!

3min. de leitura

Quando nós fechamos sem dar chance às possibilidades do mundo, saímos de casa com a certeza de que voltaremos com o coração vazio e, sem perceber -às vezes até percebendo-, acabamos ‘boicotando’ os nossos próprios desejos.



Mas, por mais piegas que isso possa parecer, abrir mão do nosso conforto para viver um amor, mesmo que não seja grande, mesmo que não seja torrencial, ainda que não seja tão intenso ou tão calmo quanto você imaginava que seria, pode lhe proporcionar sensações antes nunca imaginadas!

Não apenas romantizando o amor, como se tudo que viesse depois do acontecido -paixão/amor/namoro/qualquer-coisa-nesse-sentido- fossem mil maravilhas, mas é que quando se há a possibilidade de contar com o outro, alguns problemas tornam-se mais fáceis de serem resolvidos.

VAI COM MEDO MESMO - FOTO 01


Emprestar-se sem saber quando vai ser devolvido, sem importar-se se ele transa com meia, ou se ela arrota no jantar, se ele sempre esquece a ordem dos filmes de star wars ou se ela não gosta de temaki.

A graça do amor está nos detalhes, e ignorá-los ou passar a vida procurando alguém que seja completamente igual a você vai fazer com que você perca a tal “essência”.

Não que você precise passar todos os dias pensando que pode ter esbarrado com o amor da sua vida no metrô, ou que o cara que te atendeu na hora o almoço era “A” pessoa certa, que aquela mensagem que você ignorou por preguiça de responder possa ter sido a do maior pretendente que você poderia ter -ainda que seja-,a questão é:


SAIBA APROVEITAR AS POSSIBILIDADES E AS OPORTUNIDADES.

VAI COM MEDO MESMO - FOTO DE CAPA - FOTO 02

Se teu coração grita por ser sozinho, seja; sente a vontade de ter alguém, tenha; quer ligar pra ele(a), ligue!
“Ah, mas as coisas não são tão fáceis assim”, é, eu concordo, ele(a) não vai cair do céu, de uma hora pra outra, mas quando conseguirmos encarar a vida com mais leveza, as coisas tendem a ser olhadas com perspectivas diferentes e, talvez, só talvez, quando deixarmos que a vida literalmente aconteça, as coisas tornem-se mais fáceis.

Agora, só pra que você veja como isso é verdade, pense e responda:
quantas vezes as suas teimosias ou receios te impediram de viver?

Não que você não possa ter medo ou receios, mas, faz assim, se tiver, “vai com medo mesmo”!

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.