Você está se sentindo um ET? Você olha ao seu redor e pensa: “Meu Deus, que planeta é esse?” Então, leia isto!

Você olha ao seu redor e pensa “Meu Deus, que planeta é esse?”

Já teve a sensação de não pertencer a este mundo?

Você está se sentindo um ET?

Vamos ver o que isso significa e porque você se sente assim.

Veja aqui meu vídeo sobre este tema.


Nos retiros que faço aqui no Paraíso dos Pândavas coisa que sempre notamos é a felicidade que as pessoas têm em ver que não são ETs!

Sim, quase todos que vem aqui, e imagino você que está lendo este artigo, se sente um ET.

Isso acontece porque você está no despertar. Você está em outra vibração. Você está mudando os padrões, saindo do paradigma da ilusão e entrando no paradigma da realidade.

E quando abrimos os olhos para certas verdades, é difícil entender porque tantos outros não conseguem. Quando vemos como é melhor cultivar a bondade, ficamos chocados com os que insistem no egoísmo. Quando vemos como é melhor fazer o bem, ficamos chocados com os que acham que podem ser felizes machucando outras pessoas, ou mesmo os animais.

E vice-versa! Isso é que é engraçado! As pessoas acham que nós somos estranhos por estarmos querendo ser melhores, querendo meditar, apaziguar a mente, comprar menos, priorizar a paz, etc. Muitas vezes pergunto para as pessoas que chegam aqui no retiro, especialmente em datas tipo Réveillon e Carnaval: “O que seus amigos acharam de você escolher passar o feriado em um retiro de yoga?”. A resposta unânime é: “Acharam loucura!”.

Mas louco é aquele que insiste em sofrer. Louco é aquele que não tem compaixão.

Louco é aquele que corre atrás de coisas fugazes e desperdiça a vida humana em constante ansiedade, frustração e medo.

Você não está sozinho. São milhões de pessoas no Brasil, centenas de milhões no mundo, que estão como você se sentindo um ET, mas no caminho certo. Como diz meu mestre espiritual, “do lado certo da História”. O despertar está acontecendo no mundo inteiro. E precisa acelerar. Precisamos de mais pessoas despertando para salvar o planeta e salvar a humanidade.

Precisamos questionar o que nos passaram. Precisamos perguntar “o que é normal?”. Comer carne é normal, como assim? Beber e fumar é normal, como assim? Passar a vida correndo atrás de apartamento, status, dinheiro é normal, como assim?

Nós somos pioneiros na mudança planetária.

O questionar leva ao pesquisar, a busca. A busca leva a outras respostas. As outras respostas levam a estados de consciência superiores, a viver melhor. Com isso vamos mudando nossos padrões de pensamento e ação… nos tornando ETs aos olhos dos outros, e nos sentindo ETs também.

Mas nós não somos os ETs! O mundo é que precisa mudar. Precisamos de uma revolução de consciência. Precisamos estudar os grandes clássicos da sabedoria humana, como o trabalho de Patanjali de 2000 anos atrás.

Podemos mudar nossa vida e assim mudar o mundo, uma pessoa de cada vez.

Seu amigo,

Giridhari Das


ETDireitos autorais da imagem de capa: Holly Mandarich on Unsplash




Deixe seu comentário