15 lições essenciais para ensinar a seus filhos sobre as mulheres:

10min. de leitura

Quando se trata de mulheres, ninguém sabe melhor do que as próprias mulheres.



Em alguns casos, temos uma compreensão muito melhor do que guia as mulheres e o que elas procuram, do que os homens com quem nos associamos.

Nossos filhos são a próxima geração desses parceiros, o que significa que nada é mais importante do que criar homens responsáveis, amorosos e carinhosos, para que possamos nos orgulhar de enviá-los ao mundo.

Aqui estão algumas coisas importantes que você pode ensinar aos seus filhos sobre as mulheres, os relacionamentos e o amor:

1. Caras legais sãos mais queridos

O estereótipo de que nossa sociedade prefere os malvados não é apenas ruim, é terrível, tornando importante que se trace limites aos seus filhos. Sim, algumas mulheres escolhem homens que não têm os melhores corações, mas isso não significa que para “conquistar” uma mulher, um homem deva ser desrespeitoso. Homens simpáticos, não apenas são os preferidos, mas também atraem relacionamentos amorosos e igualitários. Essa informação, vale a pena espalhar.


2. Seja verdadeiro consigo mesmo

Os relacionamentos podem ser difíceis por muitos motivos. Um deles é que muitas vezes sentimos que precisamos ser, exatamente, o que a outra pessoa quer, mesmo que não seja quem somos. É importante que todos aprendam que precisam ser verdadeiros consigo mesmos em primeiro lugar.


Construir um relacionamento baseado em mentiras sobre sua personalidade e comportamentos, só vai acabar mal, então, incentive seus filhos a serem abertos e honestos consigo mesmos e com os outros, desde o início.


3. A amizade é tão importante quanto o romance

Parece haver uma estranha separação entre amizade e romance em nossa cultura. Os homens, muitas vezes, queixam de estar na “friendzone” como se as mulheres não pudessem ter amizade com homens, apenas relacionamentos amorosos. Seu filho deve saber que um bom relacionamento amoroso é construído sobre a amizade, e é importante ter amizades, bem como outros tipos de relacionamentos.


4. Há uma razão para algo ser um clássico

Há algumas coisas cavalheirescas que sempre são boas para as mulheres. Coisas como levar uma garota para lanchar (mesmo se você for holandês), abrir as portas para ela, beijá-la na bochecha. Estes são os clássicos, e não há nada de errado com eles, enquanto a pessoa em questão não se incomodar com isso. Dê o exemplo do cavalheirismo e seu filho seguirá.



5. Conversar é importante

É incrível o pouco que valorizamos a conversação nos homens hoje em dia. Sim, sabemos que as mulheres costumam falar mais, mas quantidade e qualidade são duas coisas diferentes. Devemos ensinar nossos filhos a serem bons ouvintes, mas também envolventes conversadores. Incentive-os a participar do debate familiar, a falar sobre o seu dia e a estarem pronto para ouvir sobre o seu. Essas habilidades são muito importantes para relacionamentos, com mulheres e homens.


6. Interior antes do exterior

É maravilhoso arrumar-se bem, mas aparências não duram e não devem ser a única coisa que nossos filhos procuram em alguém em especial. Tudo bem em valorizar a beleza, mas nossos filhos devem saber que para um relacionamento realmente crescer, precisamos cavar mais fundo do que apenas o que está na superfície. Sim, diga a uma garota que ela é bonita, mas também diga a ela que ela é inteligente, engraçada e corajosa. Isso também importa.


7. A empatia é a inteligência emocional

Em nossa sociedade, os homens não são realmente conhecidos por terem empatia e inteligência emocional, mas isso não significa que não seja importante. Por algum motivo, perdemos de vista a empatia nos homens e a próxima geração precisa compensar isso.

A empatia significa aproveitar o tempo para entender e compartilhar as emoções daqueles ao seu redor, em vez de simplesmente ignorar. Uma habilidade muito importante para todos investirem em adquirir.


8. Falar faz a diferença

Muitas crianças, meninos e meninas, acabam deixando as suas vontades de lado pela pressão dos outros. Mas há um tipo de censura que nunca deve ser aceita, que é a misoginia. Ensinar o seu filho a respeitar as mulheres, bem como a todos ao seu redor, é uma coisa, mas também é importante mostrar-lhe que ele deve falar quando não for devidamente respeitado. Não permita que seus filhos falem mal das mulheres, e que eles saibam que, definitivamente, não está certo fazer isso.


9. Não é preciso comprar presentes

Existe uma prioridade em relação aos presentes nos relacionamentos, particularmente, no início, que pode deixar alguns homens preocupados em não fazer o suficiente. Claro, os presentes são agradáveis, mas seu filho deve saber a importância de fazer lembranças, bem como comprar presentes. Um buquê de flores não é tão valioso como um dia maravilhoso juntos!


10. Ter responsabilidade pelos erros

Muitos homens adultos têm dificuldades em assumir a responsabilidade, assim como as mulheres também. Infelizmente, existe a tendência para jogar a culpa no próximo, o que nunca tem consequências positivas. É importante aprender, desde o momento em que são pequenos, a ter consciência de suas ações, pedir desculpas, quando necessário, e fazer melhor no futuro. É uma habilidade que os servirá bem em seus relacionamentos e um sinal seguro de um adulto maduro.


11. Seja generoso com amor e perdão

Nossas noções de masculinidade muitas vezes tornam difícil para os homens, expressar o amor que possuem para aqueles que os rodeiam. O estereótipo forte e estoico é um comportamento difícil de desaprender, razão pela qual os meninos devem ser encorajados a amar àqueles que se preocupam com eles. Não há nada de errado em ser sensível e generoso.


12. Saber como estar aberto emocionalmente

Quando as pessoas não sabem como processar suas emoções, a vida pode tornar-se mais complicada. Para as mulheres, é mais aceitável compartilhar seus sentimentos com um amigo, mas os homens, geralmente, esquivam-se disso, resultando em isolamento emocional. Ajudar nossos filhos a trabalhar suas emoções em sua juventude e encorajá-los a serem abertos com o que estão sentindo e como ele está lidando com todos os relacionamentos, definitivamente, vale a pena.


13. ‘Feminino’ não significa fraco ou menos valioso

A sociedade luta com a linguagem e uma das que, desafortunadamente, prejudica mais do que ajuda é a ideia de que a palavra “feminina” é uma abreviação de algo fraco ou menos valioso. Correr como uma menina, jogar como uma menina e exortando os meninos a não serem como as garotas, faz as pessoas valorizarem as meninas e, portanto, às mulheres, menos. As mulheres não são pessoas em quem os homens não possam se inspirar. Elas são seus iguais, parceiras na vida, fortes, capazes e resilientes à sua maneira, lutando contra suas próprias batalhas.


14. A bondade é fundamental

Em todos os relacionamentos, vale a pena ser uma pessoa mais amável. A falta de gentileza pode tornar o coração duro, mas ter o hábito de tratar a todos com bondade, melhora a resiliência e a personalidade. As pessoas nem sempre o tratam bem, mas a vingança é um jogo que ninguém ganha a longo prazo. Ensinar o seu filho a ser gentil com os que estão ao seu redor, sejam homens, mulheres, idosos, crianças, é algo que o levará muito longe em sua vida.


15. Nada vem acima do respeito

Mais do que bondade, mais do que o cavalheirismo e mais do que prestar atenção às mulheres em sua vida, nada servirá nossos filhos melhor do que um conceito saudável de respeito pelas pessoas ao seu redor. Os homens que não entendem a igualdade muitas vezes menosprezam as mulheres, mas ensinar a seu filho o importante papel que ambos, homens e mulher, desempenham, vai parar isso. As mulheres podem não ser capazes de fazer tudo o que os homens fazem, mas há também coisas que mulheres podem fazer que os homens, definitivamente, não podem. Sabendo que os gêneros são diferentes, mas iguais, é uma lição importante ao longo da vida.

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Mystical Raven

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.