4 maneiras de desarmar um manipulador:

5min. de leitura

Um elemento-chave para uma vida mais feliz é ser cercado por uma rede de amigos de apoio e influência. Às vezes, no entanto, podemos confundir influenciadores com manipuladores e pode ser difícil dizer a diferença.

É raro encontrar aqueles que investem tempo e energia em algo que não tenha potencial para algum ganho pessoal.



Um manipulador sabe como obter o que precisa com pouco esforço para si mesmo, mas com um custo elevado para os outros. Essas pessoas gastam muito tempo e energia criando um ambiente onde podem controlar os resultados, para que suas necessidades sejam, constantemente, atendidas por outros. O maior problema de um relacionamento manipulador é que, muitas vezes, nem sabemos que está acontecendo, e permitimos que ele continue.

Abaixo estão 4 maneiras de desarmar um manipulador:

1. Reconheça o problema

O primeiro sinal de um problema é ir embora de um encontro com alguém não se sentindo bem e questionando o resultado.

Aqui estão algumas características dos manipuladores:


  • Suas necessidades prevalecem sobre as demais.
  • Eles esperam que você esteja sempre disponível.
  • Eles geralmente estão em uma crise que exige ação imediata.

Outro indicador chave de um relacionamento manipulador é quando outros amigos começam a notar o desequilíbrio do dar e receber com a outra pessoa. Preste atenção às pessoas ao seu redor e suas opiniões. Muitas vezes, é mais fácil ver as coisas do lado de fora.


2. Faça perguntas

Parte de um relacionamento manipulador são as exigências intermináveis ​​ colocadas sobre nós. Elas, geralmente, são redigidas de tal forma que devemos nos sentir privilegiados na oportunidade de ajudar.

Como um manipulador prospera no controle, é útil retirar um pouco desse controle colocando o foco sobre fazer perguntas. O tipo certo de perguntas pode ajudar a conscientizar o valor unilateral da solicitação, e pode sinalizar que você está ciente de seu comportamento. Por exemplo:


  • Eu vejo como isso o ajuda. Você pode me ajudar a entender como isso me beneficia?
  • Eu posso ter uma opinião sobre isso?
  • Isso parece um pedido razoável para você?
  • Parece justo para você o que está me pedindo para fazer?

Quando você faz esse tipo de perguntas, está iluminando a verdadeira natureza de seu pedido. Se houver uma autoconsciência, então, ele geralmente verá a situação pelo que é, e mudará o pedido ou retira-lo-á completamente.


3. Diga “não” e permaneça firme

Você só pode controlar as suas próprias ações. Isso é importante porque não poderá mudar o comportamento de um manipulador, mas pode deixar de ser sua vítima. Isso acontece quando você começa a dizer “não”.

Nós somos manipulados porque permitimos, e recusar ser manipulados é o primeiro passo para quebrar o ciclo. Manipuladores são bons no que fazem, então, preste atenção à sua resposta. Devemos permanecer firmes no nosso “não”, sabendo que estamos dando o primeiro passo para libertar-nos de sua influência.


4. Use o tempo em sua vantagem

Os manipuladores são bons no que fazem e possuem todo tipo de respostas às nossas objeções. Eles também sabem que sua melhor oportunidade para nos levar a bordo com o seu esquema é nos fazer concordar imediatamente. Em vez de nos comprometermos ao seu pedido, podemos tentar usar o tempo em nossa vantagem.

“Eu lhe dou um retorno.”

Essa declaração coloca o poder da situação de volta a nós. Isso nos dá a capacidade de realmente avaliar a situação e nos permite encontrar uma maneira razoável e respeitosa de recusar, se é isso que queremos fazer.

_______

Traduzido pela equipe de O Segredo  Fonte: Power of Positivity

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.