Comportamento

“A opressão do belo chega a ser quase uma tortura”, declara Glória Pires ao assumir fios brancos

Capa A opressao do belo chega a ser quase uma tortura declara Gloria Pires ao assumir fios brancos

Atriz de 57 anos rebateu as críticas sobre seus cabelos brancos, publicando uma sábia reflexão. Veja!



Atualmente, mais e mais mulheres estão se libertando e desconstruindo os padrões que configuram a “beleza” feminina. Estão tendo mais voz para se posicionar e quebrar esses estereótipos. Uma mulher é livre para ser o que quiser e fazer o que bem entender com sua aparência, chega de julgamentos sem sentido, que só diminuem a nossa grandeza.

Assim como há tantas que preferem investir em hábitos para manter a aparência da forma como melhor lhe agradam, outras decidiram deixar isso para lá, mas não significa que são desleixadas. É uma opção, apenas.

Mas nem sempre os outros estão preparados para isso. Uma mulher que resolve deixar seus fios brancos aparecerem ainda é alvo de olhares atravessados, julgamento interno sem sentido de que estão relapsas e não ligam mais para a beleza. Chegam até a ser tachadas de “coitadas”, como se a cor de cabelo fosse tão importante assim na vida de uma mulher.


Não há nada de errado ao pintar as madeixas, assim como não há nada de errado em não pintá-las. A liberdade é justamente esta: a mulher fazer o que tem vontade. Mas por que até hoje isso é motivo de chateação?

Gloria Pires, uma renomada atriz, faz sucesso até hoje com seus personagens eternos e icônicos, e passou por uma situação em que recebeu críticas por deixar seus cabelos naturais. Ela aproveitou a polêmica e, em seu Instagram, fez uma reflexão magnífica sobre o papel que a mulher exerce e como a sociedade ainda a enxerga.

2 A opressao do belo chega a ser quase uma tortura declara Gloria Pires ao assumir fios brancos

Direitos autorais: reprodução Instagram/@gpiresoficial.

Com muita sensatez, ela escreveu na legenda que a beleza é uma grande mentira, pois esse culto que fazem à juventude da mulher é um controle social, em que ensinam para todas nós a não nos aceitarmos, prendendo-nos a esse padrão tão discriminatório.


Gloria disse que ser bonito, de acordo com os estereótipos, chega a ser uma tortura. Quando ela resolveu assumir os cabelos grisalhos, algo que deve ser visto como natural, pois é a natureza agindo, muitos a criticaram por achar que envelhecer não é algo bom.

Mas ela decidiu publicar que assumir o que a sociedade nos ensina como sendo feio é na verdade uma libertação. Concluiu afirmando que a verdade nos liberta!

3 A opressao do belo chega a ser quase uma tortura declara Gloria Pires ao assumir fios brancos

Direitos autorais: reprodução Instagram/@gpiresoficial.

Quando uma mulher se assume e se aceita, causa uma transformação não somente em seu bem-estar, mas no ambiente onde está. Essa corrente do bem vai passando para muitas outras, por isso há o incômodo. Estamos acostumadas a enxergar o que é pautado como bonito e fazemos disso uma regra que não pode ser quebrada. Isso só aprisiona e faz lucrar uma indústria que se beneficia da insegurança feminina.


Mais uma vez, não é errado querer continuar pintando os cabelos ou fazendo procedimentos que rejuvenescem a aparência, errado é ofender ou criticar quem está saindo do padrão para se tornar mais feliz, mais leve e plena. Vamos deixar as mulheres livres!

Qual a sua opinião sobre a reflexão da atriz?

Comente e compartilhe-a em suas redes sociais!


“Eu não percebia o quanto eu fazia em casa até me divorciar”: mãe faz relato e desabafa após separação

Artigo Anterior

Mulher que não tem útero e dizia que nunca seria mãe celebra a chegada de seu bebê!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.