publicidade

Adele não abordará mais sobre seu divórcio em suas músicas para preservar seu filho!

Decisão foi tomada para que tanto seu ex-marido quanto o filho fossem preservados da exposição.



Uma separação costuma ser complicada, pois envolve sentimentos de duas pessoas que antes estavam dispostas a passar a vida juntas. Quando não dá certo, há uma quebra no ciclo e os ânimos ficam alterados. Sempre um dos lados se enxerga mais como vítima. Nada de novidade neste assunto.

Mas quando o divórcio envolve celebridades, pessoas influentes e dinheiro, além da insatisfação natural, há o agravante da exposição. E aí as coisas podem sair do controle e gerar constrangimento.

Cantora de renome mundial, Adele ganhou notoriedade ao cantar sobre experiências pessoais e desilusões amorosas. Comoveu centenas de milhares de pessoas com seus versos doloridos e com isso se tornou uma das maiores estrelas da música desde quando estreou. Seus três álbuns foram sucesso de vendas total, fazendo a britânica quebrar recordes nos últimos anos.

Porém, através do jornal The Sun, foi publicado que, devido a uma decisão de Adele e seu ex-marido Simon Konecki, ela resolveu não cantar mais absolutamente nada que possa ter relação com ele.

O motivo, segundo ela, é o respeito que tem pelo ex-companheiro e principalmente pelo filho, fruto dessa união. A criança hoje tem 8 anos e a guarda será compartilhada.


Até nesse ponto, os dois estavam concordando. A separação havia ocorrido amigavelmente, não queriam advogados envolvidos, mas foi necessário a ajuda de mediadores, pois quando a conversa foi sobre a divisão de bens, principalmente a fortuna da cantora, o clima pesou. Seu patrimônio está avaliado em 140 milhões de libras, ou seja, mais de 1 bilhão de reais!

Segundo o jornal, a discordância foi relacionada à divisão justa das finanças. Não se sabe como foi feita a partilha, mas estima-se que Adele ganhe em royalties em torno de 440 mil reais. Além de ser dona de três imóveis avaliados em milhões.


A artista então achou melhor não expor mais o seu lado pessoal, justamente para preservar seu filho Angelo. Seus relacionamentos anteriores lhe geraram bons lucros, mas este lhe deu uma criança que não merece passar pela exposição de músicas que retratem o relacionamento dos seus pais. Uma sábia decisão e um posicionamento super maduro!

Seu quarto álbum virá diferente por essa questão, mas sabemos que seu talento é estrondoso e será mais um grande sucesso. Entre as diversas escolhas que ela pode fazer, com certeza, a mais importante é o bem-estar do seu filho!

E aí? O que achou deste texto? Concorda com o posicionamento da cantora?

Comente e compartilhe-o com seus amigos!

Baixe o aplicativo do site O Amor e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.