Comportamento

Bebê de 1 ano tem recuperação milagrosa após ser atropelado e ficar entre a vida e a morte

Criança viu a morte de perto, mas conseguiu sobreviver e é chamado pela sua família de “bebê milagroso”



Uma família dos Estados Unidos viveu um verdadeiro milagre depois de passar pelo maior susto de suas vidas. Durante um passeio despretensioso, a mãe Brighton, seu filho mais velho e seu bebê de um ano foram atropelados por um carro enquanto estavam na faixa de pedestres.

De acordo com o relato que Brighton dá ao Love What Matters, o impacto foi tão forte que seu filho Watson quebrou o pescoço e como consequência, teve paralisia do lado esquerdo do corpo.

O irmão de Watson foi arrastado para frente, e mesmo machucado, estava consciente. Mas o bebê de um ano estava desmaiado e sua mãe tentando fazer de tudo para salvá-lo.


Enquanto ligavam para os bombeiros, Brighton trabalhava em um pronto-socorro e ali mesmo começou a realizar os primeiros socorros em Watson. Assim que a equipe chegou, todos foram encaminhados ao hospital.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@brightonpeachy.

As notícias eram desanimadoras. O pequeno bebê de 18 meses tinha lesão cerebral grande e o pescoço havia quebrado. Além disso, lacerações graves no fígado. Foram meses em recuperação e fisioterapia constantes.

A família se revezava para cuidar dos filhos e à medida que o tempo ia passando, o guerreiro Watson começou a reaprender suas funções. Ele passou a engatinhar e andar mais uma vez, com as limitações que o acidente o havia dado. Mas dia após dia, sua melhora ia ficando cada vez mais significativa.


Brighton conto que passou a ver pequenos milagres acontecerem, pois, seu filho chegou praticamente sem vida ao hospital e depois de meses, estava sorrindo novamente. Após o acidente, a mãe disse que nunca mais conseguiu se sentir segura para passear com as crianças, mas ao perceber que esse processo ajudava na adaptação de Watson, ela resolveu fazer terapia e foi conseguindo pouco a pouco.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@brightonpeachy.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@brightonpeachy.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@brightonpeachy.


Foi vendo que a natureza ajudava na recuperação do pequeno, então passaram a fazer trilhas pelas montanhas. E então, mesmo com os diagnósticos dizendo que aquela criança não sobreviveria, o bebê progrediu de forma tão extraordinária, que em pouco tempo recebeu alta hospitalar.

Foi então que a família se reinventou e ressignificou um momento tão complicado e perturbador, em superação e esforço. Ver a força de um bebê para sobreviver fez com que a mãe entendesse que ele era o seu milagre.

Ela finaliza dizendo que não sabe se Watson se recuperará 100%, mas que estão gratos por ele ter sobrevivido, e mesmo que tenha um longo caminho de desafios pela frente, ela tem certeza de que ele seguira firme e forte, pois desde pequeno já provou que é um grande guerreiro!


Médico informa que homem tem semanas de vida, e ele decide se casar com o amor da infância

Artigo Anterior

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.