Deixe essa pessoa ir embora. Aceite que acabou

5min. de leitura

Deixe essa pessoa ir embora. O ir embora aqui é no sentido energético.



Ela já saiu da sua vida; se ainda não houve o afastamento físico, já aconteceu o desligamento emocional, que é o que realmente importa. Agora falta você trabalhar esse desapego e soltá-la do seu campo vibracional.

Eu sei que não é fácil, sei que não acontece num passe de mágica. Sim, é um processo, mas todo processo acontece por etapas, e a primeira delas é a decisão. Quando decidimos algo, o Universo se encarrega de liberar os meios para que o propósito se cumpra.

Não entre em 2021 com pendências que podem ser resolvidas ainda neste restinho de 2020.


Faça isso por você, pela sua saúde emocional, pela sua dignidade. Há quanto tempo você vem arrastando esse relacionamento no qual você mais chorou do que sorriu? Quantas noites de insônia no total? Onde foi parar o brilho dos seus olhos?

Eu sei que dói absurdamente abrir mão de algumas idealizações. Dói na carne, asfixia a alma, nos falta o ar. É como ter duas mãos apertando a nossa garganta, às vezes. Junta tudo: a saudade, a frustração por não ter dado certo, o apego, a falta dos momentos mágicos. A gente fica sem chão por não saber o que fazer com aquele estoque de amor que ficou amontoado na alma. É uma bagagem de sentimento que não se reaproveita, não tem como transferir para ninguém, porque é um sentimento que nasceu daquele elo.

Contudo, você precisa abrir mão para que o novo ciclo aconteça. Há quanto tempo você vem tentando dar certo com essa pessoa e nada sai do lugar? Você está andando em círculo, querido(a). A sua vida está passando e o tempo não espera ninguém.

Se é para doer, que doa logo de uma vez. Se é para sangrar, que seja uma hemorragia seguida da cura, ao invés de ficar sangrando de forma intermitente. Desapegue dessa ideia de que ninguém tem o cheiro, o beijo, a voz ou o abraço dele(a), mas você pode se encantar por todos esses atributos em outra pessoa.


Muito provavelmente, você veio de outros relacionamentos e jurava que não ia superá-los. Pois bem, você superou, sim. Estou mentindo? Dê adeus ao que está consumindo sua paz.

Um dia de cada vez; você vai ter dias difíceis sim, as rupturas nos fazem sentir gosto de sangue na boca, mas elas passam. Um dia você vai acordar e vai perceber que essa pessoa deixou de ser o primeiro e o último pensamento do seu dia.

Eu sei que aí dentro existe uma voz que implora uma última chance, mas você já deu mais de cem oportunidades; não compensa. Seria mais uma tentativa frustrada.

No fundo, você sabe, não basta ter amor, é preciso maturidade, empenho e comprometimento de ambos para que uma relação prospere. E, nesse barco, você sempre remou sozinho(a). O outro apenas embarcou na conveniência que você se desdobrava para oferecer.

Você sempre se virou para fazer as pazes depois das incontáveis brigas. Você sempre deu o seu jeito de mostrar o quanto queria que desse certo. O outro lado preferiu priorizar o orgulho, na maioria das vezes. Cá pra nós, ele(a) disse que morria de amores, mas nunca provou isso com atitudes, né? E falar, até papagaio fala.

Faça-se esse favor, resolva essa pendência antes que 2021 dê o ar da graça.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.