Comportamento

“Eu a julguei.” Maria Rita faz raro relato sobre perda da mãe, Elis Regina

2 Capa site Eu a julguei Maria Rita faz raro relato sobre perda da mae Elis Regina

Cantora fez um relato raro, em que desabafou sobre como se sentiu com a morte da mãe. Elis Regina faleceu em janeiro de 1982, aos 36 anos.



A perda de uma mãe faz com que a vida inteira se transforme. Não importa a idade, quando a nossa referência se vai, o que fica no coração são sensações de abandono, perda, confusão e tristeza.

Se para adultos já é difícil, imagine-se como fica o psicológico de uma criança que perde a mãe. Foi o que aconteceu com Maria Rita, filha da célebre artista Elis Regina. De acordo com informações do Na Telinha UOL, a sambista relatou ao canal E! como a falta da mãe impactou sua vida.

Elis Regina foi considerada uma das maiores artistas do ramo musical do Brasil, e seus sucessos são conhecidos até hoje. Começou a cantar aos  11 anos de idade e, aos 16, lançou seu primeiro disco.


2 2 Eu a julguei Maria Rita faz raro relato sobre perda da mae Elis Regina

Direitos autorais: reprodução Instagram/@mariaritaoficial.

2 4 Eu a julguei Maria Rita faz raro relato sobre perda da mae Elis Regina

Direitos autorais: reprodução Instagram/@mariaritaoficial.

Com um timbre característico e interpretação fantástica, Elis se consagrou como artista, sendo eternizada em várias canções, das quais “Águas de março”, “Como nossos pais”, “O bêbado e a equilibrista” e “Fascinação” se tornaram sucessos internacionais.

Maria Rita tinha apenas 4 anos quando Elis faleceu. Como era muito pequena, não entendia o que era a morte e que sua mãe havia partido, ficou muito confusa com relação ao desaparecimento dela do seu círculo familiar. Maria imaginava que Elis tinha ido embora e a abandonado.


2 3 Eu a julguei Maria Rita faz raro relato sobre perda da mae Elis Regina

Direitos autorais: reprodução Instagram/@mariaritaoficial.

Ela relata que tudo era muito confuso, pois não sabia o que era morrer. Achava que tinha algo de errado, que as coisas estavam fora de ordem. A confusão só crescia dentro dela porque as pessoas do seu convívio tentavam transparecer que tudo estava normal, e isso alimentava a sensação de confusão em sua cabeça, contou.

Por causa da perda da mãe tão recente, é comum que esse tipo de pensamento povoe a cabeça de crianças e jovens, por isso ela achava que sua mãe tinha ido embora. Anos depois, a confusão ainda continuava, porque a maneira como Elis morreu bagunçou ainda mais a percepção de tudo, afirmou a cantora.

Quando completou 12 anos, no início da adolescência, Maria Rita contou que a confusão se tornou raiva por sua mãe supostamente ter tirado a própria vida. Ela conta que sentiu ódio por ter julgado Elis. A forma como ela morreu não era certa, todo mundo sabia disso, e a filha foi entrando num conflito grande sobre o porquê daquela tragédia.


2 5 Eu a julguei Maria Rita faz raro relato sobre perda da mae Elis Regina

Direitos autorais: reprodução Instagram/@mariaritaoficial.

A cantora afirma que é sempre um processo, e isso leva tempo. Antigamente, ela guardava muito as suas emoções e interiorizava tudo, por isso é tão raro falar sobre sua mãe. Elis deixou Maria Rita e outros dois filhos, João Marcelo Boscoli e Pedro Mariano.


Para ficar perto do filho, mãe larga faculdade de Direito e vende água em semáforo

Artigo Anterior

Carol Castro revela que não beija namorado na frente da filha de 3 anos

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.