Comportamento

“Eu não estava pronta”, desabafa mãe ao voltar a trabalhar, depois de 3 meses de licença-maternidade!

Capa Eu nao estava pronta desabafa mae ao voltar a trabalhar depois de 3 meses de licenca maternidade

Por meio de sua rede social, Rachael fez um relato genuíno sobre a dificuldade de voltar a trabalhar depois do pós-parto!



Há ainda quem pense que uma mulher que sai de licença-maternidade só causa prejuízo para o mercado de trabalho, pois está “ganhando” sem trabalhar. A realidade, como muitas sabem, é o contrário.

Mães que acabaram de dar à luz se veem numa espiral de cansaço sem fim, pois cuidar de uma criança demanda um gasto enorme de energia. É o cansaço físico e mental que se apodera da mulher.

Rachael Larsen mora nos Estados Unidos e resolveu compartilhar seu desabafo sobre as dificuldades de ser mãe e voltar a trabalhar em tão pouco tempo após o nascimento de seu filho. Seu relato traduz o que muitas mulheres enfrentam, pois os sentimentos que invadem o coração são de angústia, medo e tristeza.


De acordo com os regulamentos do país, a licença-maternidade dura 12 semanas após o nascimento, o que dá três meses de cuidados exclusivos ao filho. Ao fim desse período, a mãe precisa voltar ao trabalho.

Sabemos que nesse período, mesmo afastada do trabalho, uma mulher não descansa, pois seus afazeres se tornam ainda mais pesados.

Esse tempo, segundo boa parte das mulheres, não é suficiente para acostumarem o filho às novas atividades, além de ser bem difícil aliar a rotina. Elas perdem o sono, as transformações físicas são dolorosas e o psicológico fica prejudicado.

Rachael precisou voltar às suas funções empregatícias e isso a fez desabafar sobre o quanto não estava preparada. Em seu Linkedin, ela fez uma postagem sincera, com uma foto chorando de frustração. Na publicação, ela conta que levou quatro anos para reunir coragem e compartilhar essa foto, que traduzia como estava o seu emocional. Mesmo após vários anos, ainda era difícil olhar e se reconhecer ali, segundo ela.


2 Eu nao estava pronta desabafa mae ao voltar a trabalhar depois de 3 meses de licenca maternidade

Direitos autorais: reprodução LinkedIn/Rachael Larsen.

Escreveu que trabalhar em tempo integral e ser mãe é cansativo e o desprezo é real. Em seu primeiro dia de retorno, ela viu que não estava pronta, e sua filha também não. A menina estava com dificuldades para dormir e inquieta, fazendo a mãe acordar cinco vezes durante a noite para alimentá-la. Sentia-se exausta!

Mesmo com esse relato, Rachael sabia que sua realidade era bem diferente de várias outras mães.

Chegou a dizer que se sentia privilegiada por receber um pagamento durante seu pós-natal e poder tirar 12 semanas de “folga” do trabalho. Mas diante disso tudo, disse que nem a filha nem ela estavam prontas.


Ela termina sua mensagem dizendo para as pessoas apoiarem verdadeiramente uma mãe. A maternidade não é fácil, e voltar a trabalhar, deixando seu filho tão pequeno também não é. Que mais pessoas possam falar abertamente sobre isso, para que todos entendam que não é uma frescura.

Cabe a nós repensar sobre nossos julgamentos, quando vemos situações como essas. O que achou do relato dessa mãe?

Comente e compartilhe este texto, sua opinião é importante para nós!


Idosa que não consegue se locomover é levada pelo esposo, em triciclo, para ser vacinada! O amor que cuida!

Artigo Anterior

BBB21: Após renegar Gilberto, pai do brother reaparece 15 anos mais tarde, e deseja reencontro: ‘Só quero dar um abraço apertado’

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.