Comportamento

Filhos de Cid Moreira pedem interdição do pai e prisão da madrasta em processo

42132
Comente!

Mais uma página dessa longa história envolvendo o jornalista e a família.

Cid Moreira é um jornalista muito conhecido pelos brasileiros por conta de seu trabalho na televisão. No entanto, nos últimos tempos, tem sido notícia não por sua profissão, mas por uma grande polêmica na família, incluindo os filhos e a esposa Fátima Sampaio Moreira.

De acordo com informações da UOL, toda a situação se tornou conhecida após Roger, filho adotivo de Cid, dizer em uma entrevista ao “Balanço Geral”, da RecordTV, que foi abandonado e deserdado pelo pai.

O homem também negou ter processado Cid Moreira por conta de um estúdio que era bancado pelo jornalista. Quem mencionou esse processo em primeiro lugar foi Fátima, que afirmou que o afastamento aconteceu por conta dos custos do estúdio, depois que Roger decidiu abrir uma ação contra o pai após o apresentador deixar o espaço.

O desentendimento entre Fátima e os filhos de Cid, Roger e Rodrigo Moreira, acabou tomando novos caminhos quando os homens decidiram entrar com um processo na vara de família de Petrópolis, RJ, pedindo a interdição do pai e a prisão da madrasta Fátima.

No documento, conforme contado pela UOL, Roger e Rodrigo afirmam que o pai, de 93 anos, apresenta sintomas de demência, e tem a liberdade limitada devido à esposa.

Roger, que é filho adotivo de Cid, ainda afirmou ao portal de notícias que é Fátima quem controla as publicações do pai nas redes sociais, e deixou claro que ele e o irmão querem se encontrar com o pai o quanto antes.

O homem afirmou que o pai é uma vítima, e que ambos os filhos estariam convivendo com Cid se não fossem impedidos por Fátima, que segundo ele, não deixa que a aproximação aconteça.

Além do pedido de interdição, o processo também fala sobre a necessidade de uma tutela de urgência. Os filhos de Cid acreditam que o pai não teria “mínimas condições” de administrar os próprios bens no documento.

Os homens ainda apontam que acreditam que a madrasta mantém o jornalista em “cárcere privado” e que ela, que é 40 anos mais nova do que Cid, se casou com ele por “interesses econômicos”.

Além de estelionato, Fátima também é acusada de outras coisas no documento, como apropriação indébita e formação de quadrilha. A ação também pede bloqueio imediato dos bens de Cid durante a investigação.

“Os filhos estão preocupados com o pai. Cid Moreira está passando por um momento muito difícil. Ele tem 93 anos e a impressão que dá é que ele está sendo usado. Estão tirando todo o patrimônio e eu vou buscar o Ministério Público, a justiça, a polícia, o Juizado da Família e principalmente a Delegacia do Idoso para que supram essa situação difícil”, declarou ngelo Carbone, advogado dos filhos de Cid Moreira.

Comente!

Mãe encontra mulher que lhe doou o útero e possibilitou a realização do seu sonho. “Ela é minha família”

Artigo Anterior

Nego do Borel é indiciado por lesão corporal contra ex-namorada

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.