publicidade

Jovem que engravidou tomando pílula declara: “Melhor coisa que me aconteceu”

A jovem engravidou aos 19 anos e foi desencorajada por muitos, pois falavam que havia acabado com a própria vida. Hoje em dia, ela afirma que é muito mais feliz do que antes. Confira!



Que a maternidade tem seus desafios, todos sabemos. Ser mãe é algo único, mágico, desafiador e emocionante. Mas a gravidez precoce lida com questões mais profundas. Uma mulher que não se planejou ou nunca se viu sendo mãe experimenta um medo muito grande do maternar.

Isso acontece muito com jovens que engravidam. O caso de Evangeline Adesile não foi diferente. Ela tinha 19 anos quando descobriu que estava esperando uma criança. Namorava James havia apenas seis meses. Relatou ao Metro que era responsável e tomava pílula anticoncepcional corretamente.

Quando descobriu a gravidez, percebeu que a pílula havia falhado e agora ela tinha que resolver.

Comentou que foi um choque enorme. Muitas pessoas começaram a julgá-la, dizendo que provavelmente ela não havia tomado o anticoncepcional corretamente, mas Evangeline sabia que havia feito tudo certo.

O próximo passo era contar para a família e o namorado. Essa era a preocupação da jovem, pois estava com James havia pouco tempo e não sabia o que pensariam dela. Após conversarem, o casal decidiu que o melhor a se fazer era encarar tudo e todos e levar a gravidez adiante.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@evangelineolualu.

Quando uma mulher jovem engravida, os comentários são muito mais pesados. Evangeline disse que sentiu isso na pele. Ela tem uma conta no TikTok, por isso muitas pessoas souberam da sua vida. Logo, as mensagens ruins começaram a surgir. Diziam que ela era muito nova e estava estragando a vida. Outras diziam que ela não seria boa mãe por não ter experiência e algumas até sugeriram que Evangeline havia dado o golpe da barriga.

Diziam ainda que o bebê não seria feliz porque viria numa família sem estrutura, incapaz de sustentá-lo. Até adoção sugeriram para o casal. Homens também se sentiram no direito de opinar sobre a escolha dela de ter o bebê. Falaram que claramente o namorado não havia participado da decisão, pois não concordaria em ser pai tão jovem.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@evangelineolualu.

Evangeline disse na entrevista que provaria que todos estavam errados. Contou que James sempre esteve presente, pois a relação deles é uma via de mão dupla.

A gravidez inesperada adiou os planos dessa mãe ir para a faculdade, mas a jovem não se arrependeu. Contou que é muito mais feliz e realizada com a vinda de sua filha Elaia, a melhor coisa que já aconteceu em sua vida.

A bebê fortaleceu os laços com a família e o casal, que em breve se mudou para sua primeira casa. Evangeline começou o próprio negócio vendendo roupas de bebê on-line e sua filha é o rosto da marca. Ela também contou que planeja criar uma linha de cuidados caseiros para a pele de mães e bebês, usando produtos orgânicos.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@evangelineolualu.

A jovem mãe diz que a filha é sua maior inspiração. Ela sempre quis ter o próprio negócio, mas não sabia como e quando. Agora, sendo mãe, entende a necessidade de estar pronta para fazer o que for necessário pelo seu bebê e sua família!

Que lindo ver que, mesmo sendo um desafio, a maternidade mudou a vida de uma jovem mulher!

Comente este relato e compartilhe-o em suas redes sociais!

Baixe o aplicativo do site O Amor e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.