Comportamento

Mãe criticada por usar roupas ousadas afirma: “Nada deve impedi-la de vestir o que quer”

Em suas redes sociais, a modelo e influenciadora desabafou sobre como lida com o julgamento por gostar de se vestir com roupas mais marcadas.



Infelizmente, é bem comum mães sofrerem críticas a respeito de sua aparência.

Assim que assumem a maternidade, a impressão é de que perdem a identidade, tendo que se comportar conforme os padrões que a sociedade induz e preconiza como corretos.

Iskra Lawrence, de 30 anos, é modelo e influenciadora digital. Ela decidiu usar seu Instagram para revidar as críticas que anda sofrendo por causa das escolhas de suas vestes. De acordo com informações do The Sun, a modelo quis desabafar para promover uma imagem corporal positiva entre as mulheres, encorajando-as para se sentirem confortáveis em usar o que quiserem.


Iskra conta que precisou se posicionar e revidou os críticos que condenam suas roupas ousadas ou biquínis que gosta de vestir, pois eles alegam que ela deveria se respeitar e não ficar exibindo o corpo, porque agora tem filho.

Disse que ser mãe não deve reduzir uma mulher, e ela continua sendo livre para usar o que bem entender. Relatou que muitos a acusam de procurar atrair atenções, só porque gosta de usar roupas que marcam seu corpo e trajes de banho.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@iskra.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@iskra.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@iskra.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@iskra.

Por isso decidiu mostrar a realidade em suas redes sociais e como fica sua cabeça ao colocar as roupas que tanto lhe rendem julgamentos. Em sua postagem mais recente, Iskra revela certa apreensão em usar o traje de banho, pois já escutou inúmeras vezes que certas vestimentas são impróprias para uma mãe.

Seus pensamentos são de insegurança com o próprio corpo e o medo de virar alvo de críticas. Ela relata que a sociedade quer que mães usem apenas roupas escuras, sem mostrar o corpo, porque tudo que foge a isso significa que a mulher está procurando chamar a atenção, na visão de várias pessoas.


Mas a verdade é que uma mulher deve vestir o que quiser, e nada deveria impedi-la, afinal de contas, são apenas roupas, não deveriam pensar que é uma mãe ruim por causa do que ela veste. Concluiu seu pensamento dizendo que todas precisam buscar a confiança interior e não se prender a padrões. É necessário não se preocupar com o que os outros vão pensar, e sim viver a própria vida da melhor forma, finalizou.

Ator de “Ana e o rei” doará fortuna estimada em 4 bilhões para instituições de caridade

Artigo Anterior

Mulher gasta mais de R$ 11 mil em procedimentos no rosto, sofre críticas e rebate: “Nunca vou parar”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.