Comportamento

Mãe fica indignada ao descobrir que madrasta da filha furou suas orelhas sem permissão

A mãe relatou furiosa sobre a atitude da atual esposa do ex-marido. Ela disse que nunca tinha conversado sobre furar a orelha da filha e achou a madrasta invasiva.



Esse relato aconteceu em um fórum on-line onde, anonimamente, uma mulher contou seu caso. De acordo com informações do The Sun, a mãe foi ao Kidspot para relatar como a madrasta da sua filha ultrapassou todos os limites.

Ela explicou que, mesmo com a separação, ela e o pai da criança buscam sempre dar o melhor para ela, seja em relação à criação, seja em suporte emocional. Por esse motivo, a coparentalidade é benéfica e ocorre sem problemas.

Porém, a atitude da madrasta, na visão da mãe, foi inconcebível, porque, sem sua permissão, furou as orelhas da enteada num passeio que costumavam fazer. A garota tem 9 anos, passou uma semana fora, com o pai e a madrasta e, quando voltou, relatou a mãe, a menina estava envergonhada e tentando esconder as orelhas.


Assim que a mãe viu o que tinha acontecido, disse que procurou ficar calma, colocou-a no colo e lhe deu um abraço, dizendo que tinha ficado bonito, apesar de estar completamente indignada com a situação.

Mais tarde, conversou com o pai da menina pelo telefone, querendo uma explicação do que tinha acontecido. Ele disse que não tinha ideia do que ela estava falando, não percebeu o que tinha acontecido e se desculpou. De acordo com o relato da mãe, nem o pai sabia do que a atual esposa tinha feito.

Teve que perguntar a ela e só a partir daí a mulher resolveu falar. Aparentemente, ela levou a enteada a algumas lojas onde havia brincos. Relatou que a menina tinha gostado deles e perguntou se ela queria furar as orelhas. Ao dizer que “sim”, a madrasta achou que era algo legal para fazerem juntas, e não pensou que haveria problema.

Confrontada, a esposa do pai de sua filha disse que eram apenas brincos, mas o que chateou a mãe foi o fato de que elas nunca conversaram sobre isso, por esse motivo foi pega de surpresa, e deveria ser consultada, pois era uma decisão que cabia somente a ela e sua filha.


A mulher conclui o relato comentando que nunca teve outros problemas com a madrasta da menina, mas esse ultrapassou todos os limites possíveis, pois era algo sério, que deveria ter sido consultado antes de fazer. Os comentários ficaram praticamente todos do lado da mãe, dizendo que era uma traição de confiança, já que a menina estava sob os cuidados dela, então deveria informar o que estavam fazendo.

Outros disseram que, pelo fato de a menina ter 9 anos, ela já pode decidir por si só, então cabia a ela ligar para a mãe e contar o que gostaria de fazer. Embora as opiniões fossem divergentes, foi quase unânime a indignação. A mãe disse que continua positiva na frente da filha, mas que está muito triste por dentro, pois preferia que tivesse sido comunicada, e não pega de surpresa com algo sério.

Mulher casa com parceiro desenganado pelos médicos e declara: “Nossa fé e amor fortes o mantêm vivo”

Artigo Anterior

Campeã olímpica leiloa medalha e consegue mais de R$ 2 milhões para salvar vida de um bebê

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.