Comportamento

Mulher ameaça mães que queiram amamentar na frente de seus filhos: “Ficará com o olho roxo”

Mulher alegou em suas redes sociais que bateria na mãe e no bebê, caso aparecessem por perto. Sua fala foi completamente criticada, fazendo-a ser demitida. Entenda o caso!



Amamentação em público ainda é algo considerado um tabu. Muitos são a favor, muitos contra, e esse é um assunto que motiva bastante discussão.

Já ocorreram casos em que mulheres foram constrangidas por amamentar em público, com pessoas olhando torto, falando mal e até pedindo para que elas se retirassem. Algumas pessoas acham completamente desnecessário uma mulher amamentar em público por causa da exposição do seio.

Uma mulher chamada Carly Clark gerou indignação ao postar na própria rede social uma ameaça contra mães que amamentam. Foi grande a polêmica ao expor sua opinião sobre mães que amamentam em público.


A mensagem que deixou em seu Facebook era que ela não lamentava pela próxima mulher que alimentasse o bebê, amamentando-o na frente dos seus filhos, pois ganharia um olho roxo.

Carly foi além e ainda disse que era melhor que tirasse o bebê do caminho, senão o “socaria” também. Com a repercussão da publicação, ela acabou demitida. O caso gerou tanta revolta, que o estabelecimento onde Carly trabalhava, uma loja de animais, adicionou um pedido público de desculpas.

De acordo com o Fatherly, a mensagem do local era de que a opinião da funcionária em hipótese alguma representava a da empresa em que trabalhava. Disseram que sempre exigiram os mais altos padrões de comportamento ético e pessoal dos funcionários, e nunca aceitariam a violência postada por ela.

Informaram que Carly havia sido demitida assim que tomaram conhecimento do caso, e pediram desculpas a todos que foram afetados pelas palavras dela. Os clientes começaram a expressar repúdio ao ocorrido e agradeceram à empresa por se posicionar diante do acontecido.


Confrontada, Carly não se retratou, dizendo que seu comentário foi direcionado a apenas uma pessoa, e continuou a dizer que faça o que quiser, mas acha imaturo uma mãe ir a público e amamentar o filho, sendo que poderia fazer isso em ambientes reservados.

Disse também que não se importava que elas amamentassem enquanto seus filhos não estivessem por perto. Relatou que “puxar” o seio para fora na frente de crianças de propósito é desagradável. Com a repercussão do caso, começaram vários movimentos para que as pessoas naturalizassem a amamentação, além de campanhas de conscientização e conversa sobre o tema.

Mãe de criança especial desabafa sobre preconceito: “Minha filha não é um erro, ela é a perfeição”

Artigo Anterior

“Não faz sentido pesar o coração com situações que não podemos alterar”. Padre Fábio de Melo

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.