Comportamento

Mulher enfrenta críticas ao relatar que aplicou botox durante a gestação: “Estamos grávidas, não doentes!”

Mãe diz que não quer parecer feia na aula de pré-natal e insiste em dizer que mulheres precisam cuidar da aparência durante gravidez.



Para a maioria das mulheres, a gravidez é um período em que pensam nas mais variadas formas de decorar o quarto do bebê, como ele será fisicamente, qual tipo de criação deverá seguir, entre outros desafios.

Geralmente, elas deixam de pensar em si mesmas e começam a viver em função daquela criança que está sendo gerada. A vaidade dá lugar ao altruísmo, e com isso, deixam em segundo plano seus desejos.

Mas isso não é uma regra. Há mulheres que continuam com seu comportamento, mesmo estando grávidas. O culto à beleza padrão não sai da cabeça de muitas, e estar gestante não é um impedimento.


Carla Belluci é conhecida nas redes sociais por promover polêmicas a respeito de sua conduta como mãe. Dentre muitas que já protagonizou, a mais atual é de que, aos 39 anos, disse que mantém as aplicações de botox e preenchimentos estéticos durante a gravidez.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@officialcarlabellucci.

A mulher contou ao Daily Star que, a cada três meses, faz lifting não cirúrgico e gasta centenas de dólares com esses procedimentos, além de depilação a laser, massagens e sobrancelhas micropigmentadas. O motivo disso tudo, segundo a ex-modelo, é não parecer com as outras mães nas aulas de pré-natal.

Carla disse que participou de um evento na semana passada e ficou em choque ao ver o quanto as mães estavam com um aspecto horrível. Salientou que acha muito importante colocar um esforço a mais na aparência durante a gravidez, e faz isso sem arrependimentos, pois se inclui no grupo que acredita que gravidez não é sinônimo de doença.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@officialcarlabellucci.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@officialcarlabellucci.

“Estamos grávidas, não doentes!”, declarou, afirmando que seu médico disse não haver evidências de que os preenchimentos e aplicações de botox afetem o bebê. Carla ainda diz que as mães estão dispostas a se deixar levar durante a gravidez, e isso não lhes traz benefícios.

Conta que seu longo regime de beleza é bom para sua saúde mental. Obviamente que a repercussão da sua fala não foi aceita por muitos, que criticaram sua postura, já que se submeter a esses procedimentos seria arriscado.


Ela se defende, comentando que até sua parteira concorda que está tudo bem. O que acontece são mulheres intrometidas que deveriam cuidar da própria vida e a deixarem continuar com suas escolhas.

Carla também revelou que tem planos de transmitir seu parto ao vivo em troca de dinheiro e recebeu ofertas para que vendesse seu leite materno. Diante de tantas polêmicas, concluiu que seus fãs só verão seu filho se oferecerem o preço certo, já que a criança não terá redes sociais.

Garota intérprete de Libras ensina matéria dada na escola para aluna surda na rua. “O mundo ainda tem jeito”

Artigo Anterior

6 atitudes de homens que não admitem, mas estão arrasados com o término da relação

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.