Comportamento

Mulher usa máscara e luvas para trocar fralda do seu bebê. Marido não gosta, mas ela não vê problema

A mãe revelou sua dificuldade em lidar com os cuidados higiênicos da filha. Seu comportamento foi alvo de críticas. Entenda o caso!



Uma mulher que não quis se identificar contou sua experiência com a maternidade em um fórum anônimo na internet. Ela disse que usa máscaras e luvas para trocar a fralda da filha, atitude que não é bem-vista pelas pessoas, principalmente seu marido.

Segundo informações do The Sun, a mãe fez o relato no Reddit e explicou por lá que não é simples trocar a fralda suja do seu bebê. Ela só consegue realizar a tarefa se estiver de máscara cirúrgica e luvas.

Disse que sempre foi sensível a cheiros fortes e que é impossível deixar seu bebê limpo se não estiver usando luvas e máscaras. Para isso, ela precisa se preparar e, além de usar as barreiras no rosto e mãos, declarou também que usa uma pomada de menta no nariz para não aspirar o cheiro.


Disse que mantém esse kit de troca de fraldas na bolsa do bebê, caso precise trocá-lo na rua. Seu comportamento começou a irritar seu marido, que não aceita o fato de ela sentir essa necessidade exagerada de se proteger. Além disso, falou que ela precisa superar esse tipo de coisa, crescer como pessoa, pois não está criando vínculo com a filha desse jeito.

Segundo a mãe, o pai quando troca as fraldas gosta de conversar com a criança e fazer tudo de forma calma, o que para ela não é possível, já que o cheiro não a deixa ficar próxima. O motivo dela colocar sua experiência na internet, é que tudo veio à tona depois que a avó da criança os visitou.

A mãe da mulher achou um absurdo o que estava acontecendo, acusando-a de tóxica e sentia vergonha pela maneira como estava agindo. Já sua sogra foi um pouco mais receptiva, falando que ela se acostumaria com o cheiro, mas que para isso teria de ficar exposta a ele para ajudar no processo.

Por causa do debate na própria família, a mulher decidiu perguntar se realmente estava exagerando ou se isso acontecia com outras mães. Afirmou que constrói vínculo com sua filha de outra maneira, deixando-o no seu colo, lendo e brincando muito com ela.


Rapidamente, muitos comentários inundaram o relato, e se dividiram nas opiniões. Enquanto uns falavam que era um completo exagero, que hoje em dia tudo é motivo para alvoroço e que a maternidade não é para ser levada dessa forma, pois uma mãe precisa lidar com a fralda suja do filho, outros diziam que tudo era um processo, que pais amorosos podem levar um tempo para se acostumar com coisas que antes não faziam parte da sua rotina.

Ainda acrescentaram que amar os filhos não significa que as tarefas serão fáceis, pelo contrário, quanto mais novas as crianças, mais desafios existirão. A maioria das mensagens pediam para que a mãe não exagerasse, pois a maternidade envolve certos desconfortos, e com certeza a troca de fraldas é um deles, porém bem menor do que outros desafios.

 

Direitos autorais da imagem de capa: Depositphotos.


Policiais arrecadam alimentos e dinheiro para família com 10 crianças que teve casa incendiada

Artigo Anterior

Doutora brasileira é homenageada por ajudar a sequenciar o DNA do coronavírus e vira boneca Barbie

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.