Comportamento

Nem tudo é transtorno mental, às vezes a pessoa só é chata mesmo

nem tudo é transtorno

Hoje em dia, a sociedade de uma forma geral está criando mais consciência sobre a importância de falar sobre os transtornos mentais. Estamos compreendendo que eles existem, sim, e o cuidado com os sentimentos é uma parte muito importante de uma vida saudável e feliz.



Isso é ótimo! Quanto mais as pessoas compreenderem que precisam cuidar do emocional da mesma forma com que cuidam do físico, mais teremos uma sociedade consciente, que preocupa em manter a sua saúde sempre em dia e que respeita e trata com empatia as pessoas que passam por dificuldades na vida pessoal.

No entanto, essa valorização do cuidado emocional também faz com que muitas pessoas criem desculpas para o seu comportamento tóxico.

O nosso olhar mais generoso para o outro está permitindo que muitas pessoas chatas e desagradáveis sejam vistas como frágeis e emocionalmente desestabilizadas, o que continua a justificar atitudes e não contribuem para que mudem o seu jeito de ser.


Nem todas as pessoas instáveis estão sofrendo de alguma condição séria de saúde; às vezes, elas só possuem uma natureza tóxica mesmo. Nem todos os choros, palavras negativas e isolamento demonstram um espírito triste e desesperançoso; às vezes, é só a maneira mais fácil que alguém encontra de chamar atenção para si e sustentar o seu modo egoísta de ser.

Precisamos aprender a diferenciar as pessoas que realmente precisam de apoio daquelas que apenas querem nos ter por perto como suas marionetes. Ainda que algumas vezes nos custe acreditar, existem pessoas que escondem o seu mau caráter através de uma fragilidade falsa, e essas pessoas não merecem a nossa atenção ou o nosso cuidado.

Nunca deixe de oferecer um ombro amigo ou uma palavra de conforto, essa é uma de nossas obrigações, enquanto seres humanos, mas esteja sempre atento para direcionar a sua atenção àqueles que realmente precisam dela.

Uma conversa, um abraço, uma demonstração de amor e amizade são coisas poderosas e podem transformar o dia de alguém, dando-lhe forças para que consiga seguir em frente.


Através do nosso apoio, podemos despertar novamente a esperança no coração de alguém e mostrar que a vida pode ser bonita e feliz. Nós carregamos um grande poder dentro de nós mesmos e é por isso que devemos estar sempre atentos, o utilizando-o com sabedoria, para ajudar as pessoas certas.

Não é todo mundo que realmente tem um problema, muitos são apenas chatos mesmo. Quando aprendemos a diferenciar essas pessoas, somos capazes de fazer a diferença na vida de quem realmente necessita.


Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação desse material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Amor: Rommel Canlas/123RF Imagens.


Depressão, o nome já diz tudo, é uma pressão absurda!

Artigo Anterior

Por mais pessoas que tentam entender, ao invés de criticar e julgar

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.