Comportamento

Pai cria biquínis para meninas trans em homenagem à filha. Quer que todas estejam confortáveis

Percebendo a dificuldade da filha de achar peças confortáveis, o pai resolveu o problema por conta própria. Entenda o caso!



Os pais costumam fazer tudo por seus filhos. Como são a prioridade, eles não medem esforços para que sejam felizes e aproveitem a vida da melhor maneira possível. Esforço e dedicação são características constantes de pais que amam verdadeiramente seus filhos.

Mesmo diante de julgamentos, o que importa para eles é o que farão pelo bem-estar de suas crianças e como elas podem crescer de maneira satisfatória neste mundo.

Esta história pode ser diferente, mas aos olhos de um pai amoroso e zeloso, ela é muito bonita. O norte-americano Jamie Alexander decidiu fazer a diferença na vida de sua filha Ruby. De acordo com informações do Today, Jamie percebeu a dificuldade de Ruby ao escolher biquínis que a deixassem confortável. Diante disso, para que ela pudesse se sentir como qualquer outra criança, ele criou uma marca de biquínis para meninas trans.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@rubiesdad.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@rubiesdad.

A filha de Jamie está na pré-adolescência, tem 12 anos, mas segundo os pais, desde pequena, não se via como um menino. Aos 8 anos, ela quis mudar seu nome e começou a adotar pronomes femininos. Ela se identifica com o gênero feminino, por causa disso não conseguia ficar à vontade com roupas de garoto.

O mesmo acontecia com os trajes de banho. Meninos usam sunga, e como Ruby não se vê no gênero masculino, usar biquínis era algo normal para ela. Mas as peças não a deixavam confortável, gerando constrangimento. Seu pai decidiu criar a linha de roupas de banho Rubies, que modela o biquíni na parte de baixo, não lhe causando mais constrangimento ou vergonha.


O biquíni é revestido por várias camadas, com exterior de lycra e o interior com dois forros que, segundo as informações do site de Jamie, comprimem levemente, sem causar desconforto. A peça é muito semelhante a um biquíni normal, e várias crianças já estão usando e se sentindo mais confiantes.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@rubiesdad.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@rubiesdad.

A ideia de Jamie deu supercerto e hoje querem ampliar a linha para roupas íntimas também. O objetivo dele é tornar a vida das crianças trans mais normalizada e melhor, para se sentirem inseridas na sociedade.


Ele relata que quer se concentrar nas histórias positivas dessas crianças e evidenciá-las, pois gostam de brincar, ir para praias e piscinas, divertir-se como qualquer uma. E é exatamente dessa forma que as pessoas precisam vê-las.

“Quanto mais vejo meu namorado amando a filha, mais me apaixono por ele”

Artigo Anterior

“Meus filhos não têm hora para dormir. Dormimos quando estamos cansados”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.