Comportamento

Pai dos trigêmeos de SC agradece doações após falecimento de sua esposa: “Ajuda maravilhosa!”

Capa Pai dos trigemeos de SC agradece doacoes apos falecimento de sua esposa Ajuda maravilhosa 1

Mãe faleceu depois de dar à luz e o marido, de 34 anos, que cuidará dos sete filhos, agradeceu as roupas, leite, alimentos e dinheiro que lhe foram doados.



Essa triste história aconteceu em Santa Catarina. Camila Cassimiro da Conceição, de 32 anos, faleceu de causa ainda não definida, depois que deu à luz trigêmeos. Na primeira e segunda gestações, ela teve duas meninas. Na terceira, vieram as gêmeas e, na quarta, os trigêmeos.

A gravidez não foi planejada, mas ficaram radiantes ainda mais por um dos bebês ser um menino, esperado desde a primeira gestação. O marido de Camila é o pai das sete crianças. Estavam juntos havia 13 anos. Mudaram-se para Santa Catarina, mais precisamente Itajaí, na esperança de uma vida melhor.

Quando soube da gravidez dos trigêmeos, o casal teve ajuda da família, que doou muitas roupas e itens essenciais.


José Cleber Xavier Cardoso trabalha como pedreiro e Camila fazia artesanato para ajudar nas contas da casa, e cuidava das filhas, pois não havia conseguido vaga na creche.

Com a chegada dos bebês, a comemoração foi intensa, por ser um caso raro. A assessoria do hospital revelou que era o primeiro caso de trigêmeos de 2021. No ano passado, apenas um caso foi registrado.

De acordo com o portal de notícias G1, os familiares não conseguem entender como tudo aconteceu nem o que houve com a mãe das crianças.

O que foi passado no boletim médico foi que ela sofreu uma hemorragia e não resistiu às complicações. Mas os parentes disseram que o parto ocorreu sem problemas e que os quatro estavam bem após o procedimento. Camila se alimentou e tomou água e, após isso, começou a se queixar de fraqueza. Depois precisou ir para a UTI e realizar uma cirurgia de emergência.


O hospital publicou uma nota explicando o que houve com a mãe das crianças, na qual disse que ela teve complicações hemorrágicas e seu útero precisou ser retirado, mas a gravidade a impediu de se recuperar, deixando a causa da morte ainda sem revelação.

A história comoveu e sensibilizou diversas pessoas, fazendo com que rapidamente muitas doações começassem a surgir.

Pela internet também foi realizada uma rede de ajuda para custear as despesas do aluguel da casa e outras que estariam por vir. Até o momento, R$ 208 mil foram arrecadados.

José agradeceu as doações e disse que realmente não tinha condições de comprar tudo o que ganhou. Os bebês estão bem e já estão na casa de um dos tios. A família está se revezando para ajudá-lo a cuidar dos sete filhos.


E você, sensibilizou-se com esta história? Conte-nos, sua opinião é muito importante!

Compartilhe esse texto em suas redes sociais!

Mulher doa o próprio rim ao ex-marido para que ele sobreviva e continue na vida de suas filhas

Artigo Anterior

Deixe ir. Desapegue. Apenas confie na vida…

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.