Comportamento

Senhora de 107 anos revela segredo para uma vida longa: não se casar!

Senhora de 107 anos revela segredo para uma vida longa Nao se casar

Louise Signore acredita que o fator para manter sua longevidade vai além de comer bem, é não ter se casado!



Ao pensarmos na velhice, muitas dúvidas e questionamento nos rondam.

Não ter certeza sobre a própria saúde, como conseguir se movimentar, cuidados extras que devem ser tomados, remédios que entram na rotina são pensamentos que povoam a nossa mente.

Com o avanço da tecnologia, sabemos que hoje em dia é mais fácil envelhecer com saúde e sem graves problemas, mesmo assim, a expectativa de vida não é comum de passar dos 100 anos.


Essa incrível centenária, ao comemorar seu aniversário, contou à equipe do Wcbs o que precisou fazer para chegar aos 107 anos sem usar bengala nem cadeira de rodas, além de fazer suas compras sozinha.

Sua saúde é motivo de muito orgulho. Único remédio que toma é para controlar a pressão. De resto, continua com os hábitos de sempre, alimentando-se bem e não tomando refrigerantes nem comendo muito doce. Ela disse que foi criada com comida italiana e que isso realmente lhe fez bem.

Ela comemorou seu aniversário em um centro comunitário de Nova Iorque, que chegou a ter mais de 100 convidados. Uma de suas amigas, que participou da festa, contou que Louise era incrível. Ela nasceu em 1912, em Manhattan, e desde aos 14 anos mora no Bronx.

2 idosa 107 anos

Direitos autorais: divulgação Youtube/Inside Edition.


Muito bem-humorada, a simpática senhora atribui sua boa saúde ao fato de nunca ter se casado. Relatou também que ter amigos por perto ajuda muito. Na própria festa, Louise divertiu-se com seus comentários engraçados sobre o porquê de haver tanta gente ali, pois ela já tinha feito muitos aniversários na vida.

Sua maneira de viver contagiou todos ao seu redor. Uma de suas amigas, Deborah Whitaker, disse que o contato e a conexão que ela tem com os vizinhos, a comunidade, os amigos no centro de idosos a ajuda nessa longevidade.

Realmente, Louise parece ser muito querida. A alegria que ela emana faz as pessoas se aproximarem. Muitos de seus amigos são décadas mais jovens do que ela. Um fato importante sobre sua vida é que sempre gostou muito de dançar e jogar bocha. Ela mora sozinha e isso também contribuiu para menos estresse.

Louise ainda relatou que sempre gostou de fazer exercícios. Depois do almoço, gosta de jogar bingo e até hoje dança um pouco. Um exemplo de jovialidade, mesmo aos 107 anos!


E você? O que achou do comportamento de Louise?

Comente e compartilhe este texto com seus amigos em suas redes sociais!

Pe. Fábio de Melo: “Não se esprema para caber. Se o outro realmente fizer questão, ele abre espaço para você”

Artigo Anterior

Querido Deus, eu confio nos Seus sinais e agradeço por me fortalecer mais um dia

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.